Graciosa Online

Semestre Covid

Dormidas caíram 89% nos hotéis e 61% no AL da Graciosa

Semestre Covid

© Moinho Mó da Praia 



Os dados revelados pelo Serviço Regional de Estatística dos Açores (SREA) confirmam a retoma lenta do movimento turístico nos Açores, devido à situação determinada pela pandemia Covid19. 

No mês de junho, os estabelecimentos hoteleiros da Graciosa registaram apenas 170 dormidas, representando uma variação homóloga negativa de 89,2%, face às 1.572 dormidas registas em junho de 2019. 

Em termos de variações homólogas acumuladas, de janeiro a junho, todas as ilhas apresentaram variações homólogas negativas. A Graciosa registou 1.977 dormidas no primeiro semestre deste ano, representando uma quebra de 74,8%, em relação ao período homólogo do ano anterior (7.851 dormidas de janeiro a junho de 2019). 

Quanto aos custos e proveitos dos estabelecimentos hoteleiros graciosenses nos primeiros seis meses de 2020, o SREA indica que os proveitos totais atingiram os 77.273 euros, enquanto os proveitos por aposento somaram 62.731 euros, correspondendo a variações homólogas negativas de 71% e 74,4%, respetivamente. 

Entretanto, os estabelecimentos de alojamento local graciosenses registaram 39 dormidas no mês de junho de 2020, representando um decréscimo de 59,4% que corresponde ao menos acentuado da região. 

De janeiro a junho deste ano o alojamento local da Graciosa registou 174 dormidas, sendo a variação homóloga negativa de 61,8% (456 dormidas no primeira semestre de 2019).