Graciosa Online

Sporting Clube de Guadalupe

Opinião de Rui Carneiro

Sporting Clube de Guadalupe


Foi com enorme orgulho que presenciei à subida do meu clube ao Campeonato de Portugal… um feito extraordinário, não só pelo S.C.Guadalupe, mas pela Ilha Graciosa e pelos Açores, é preciso compreender as complexidades que se apresentam às ilhas da coesão, este título é de todos os Graciosenses…uma identidade própria das gentes da Graciosa…gentes essas sem obstáculos no caminho…elaboram o seu percurso… 

Tenho que citar a Rosa Meireles no livro Graciosa…Ilha Serena…identifica este momento único… 

“E aquela gente!!! De sorriso sempre aberto, 
mesmo que o coração se lhe doa, mesmo 
que a velhice as consuma, mesmo que 
a pobreza se lhes aperte… 

Durante este trajeto, com pessoas que fui falando, o sentido era sempre o mesmo… eles conseguiram formar um grupo de bons amigos…lutam uns pelos outros…isto não é mais que o relacionamento entre todos… é cultural…é um sentimento de propriedade que emana na Ilha Branca… nunca caminharão sozinhos… 





Ao comemorar este excecional desfecho recordei-me de uma passagem que tinha lido há algum tempo atrás… 


O obstáculo no nosso caminho

Em tempos bem antigos, um rei colocou uma pedra enorme no meio de uma estrada. Então, ele escondeu-se e ficou observando para ver se alguém tiraria a imensa rocha do caminho. Alguns mercadores e homens muito ricos do reino passaram por ali e simplesmente deram a volta pela pedra. Alguns até esbravejaram contra o rei dizendo que ele não conservava as estradas limpas mas nenhum deles tentou sequer mover a pedra. De repente, passa um camponês com uma boa carga de vegetais. Ao aproximar-se da imensa rocha, ele pôs de lado a sua carga e tentou remover a rocha dali. Após muita força e suor, ele finalmente conseguiu mover a pedra para o lado da estrada. Ele, então, voltou a pegar a sua carga de vegetais mas notou que havia uma bolsa no local onde estava a pedra. A bolsa continha muitas moedas de ouro e uma nota escrita pelo rei que dizia que o ouro era para a pessoa que tivesse removido a pedra do caminho. O camponês aprendeu o que muitos de nós nunca entendeu: ”Todos os obstáculos contém uma oportunidade para melhorarmos a nossa condição”. 

Tenho o sensação que este ano o Sporting Clube de Guadalupe suplantou todos os obstáculos e por fim agarrou a oportunidade…conseguiu erguer e retirar todas as pedras do seu caminho… 

Só quem acredita…quem trabalha…quem sonha consegue os seus objetivos. 

Parabéns…Sporting Clube Guadalupe…estarás sempre no meu coração…