Local

Corvinos têm acesso à árvore genealógica por aplicação (Vídeo)

A ferramenta foi desenvolvida pelo Centro de Estudos do Património da Universidade do Minho.

© SIARAM

Foram muitos os que não resistiram à curiosidade de saber mais sobre o seu passado com esta nova aplicação.

Os corvinos vão poder conhecer os seus antepassados. Para além do Repositório Genealógico do Corvo para a criação desta base de dados foi utilizado um estudo de 1937.

Na busca pela árvore genealógica dos corvinos a investigadora Norberta Amorim acabou por se deparar com outros factos interessantes.

O encanto pelo Corvo foi tanto que a investigadora acabou por deixar em papel todas as descobertas 

RTP/Açores