Local

Médica sem especialidade reconhecida em Portugal prestou serviços no HDES (Vídeo)

A prestação de serviços foi suspensa depois da Ordem dos Médicos ter oficiado a intituição da impossibilidade de se manter o contrato.

A Médica em causa foi contratada pelo hospital de Ponta Delgada em maio de 2019, como prestadora de serviços, na área de oftalmologia, em regime tutelado.

Desde junho desse ano tem desenvolvido todo o serviço atribuído a um médico especialista como consultas, exames, tratamentos e até bloco operatório em nome próprio, sem estar certificada pela Ordem dos Médicos, nomeadamente pelo Colégio da Especialidade de Oftalmologia.

Isabel Cássio garante que o alerta foi dado a conhecer ao conselho de administração pelo menos em setembro de 2019 após a receção de uma queixa de um grupo de utentes.


RTP/Açores