Política

Governantes criticam programas ocupacionais (Vídeo)

Em audição parlamentar, Artur Lima e Duarte Freitas não se opuseram à criação de uma linha de apoio social para estudantes, uma iniciativa do PS, mas relembram que há mais propostas a somar.

Tanto o Secretário Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego, como o Vice-presidente do Governo estão de acordo com o conteúdo do projeto de decreto legislativo, apresentado pelo Partido Socialista, que prevê a criação de uma linha de apoio social para estudantes.

Pelo meio da audição dos membros do Governo, à comissão especializada permanente de assuntos sociais, ficou a promessa de que vai ser feito um esforço para a qualificação dos ativos, e criticas e reparos e Duarte Freitas e Artur Lima aos programas ocupacionais, onde em dezembro de 2020 existiam mais de 7 mil pessoas.

Pelas contas do deputado Vilson Gomes, encarregado de defender a proposta socialista nesta audição, ficámos a saber que o impacto orçamental, da linha de apoio social para estudantes e trabalhadores-estudantes do ensino superior, poderá custar aos cofres da região cerca de 600 mil euros.
RTP/Açores