Sociedade

Agente da PSP em prisão preventiva

O agente da PSP de Santa Cruz das Flores que foi detido por desacatos numa discoteca, e por ter usado gás pimenta contra vários clientes, vai aguardar julgamento em prisão preventiva.

Agente da PSP em prisão preventiva

A medida de coação foi conhecida esta tarde.

A Direção Nacional da PSP determinou a abertura de um processo disciplinar e a suspensão do agente, de 48 anos.

A RTP sabe que o detido não tem antecedentes criminais e estava sob o efeito de álcool quando ocorreram os desacatos.


Depois de ter sido levado para a esquadra, o indivíduo conseguiu apropriar-se de uma arma de fogo e de granadas de fumo e barricou-se no interior das instalações, durante cerca de duas horas.

O caso ocorreu na madrugada de domingo.

Telejornal