Sociedade

Câmara do Comércio, Federação Agrícola e UGT Açores veêm proposta de redução fiscal excluída do orçamento de Estado para 2018 (Vídeo)

A proposta previa a redução do IVA, IRS e IRC, o que representaria 40 milhões de euros devolvidos às famílias e empresas, permitindo mais consumo, mais criação de emprego e, por essa via, também, mais receitas fiscais.

A Câmara do Comércio, a Federação Agrícola e a UGT-Açores dizem-se desiludidas com a proposta de orçamento para 2018.

A  "parceria", que reúne aquelas três entidades, apresentou uma proposta para desagravamento fiscal que não foi acolhida pelo governo da República.

Jornal da Tarde RTP/Açores