Sociedade

"Empreiteiros só iniciam obras das Scut depois de parcelas de terreno serem de utilidade pública" - esclarece a EuroScut


A EuroScut/Açores já esclareceu que "não autoriza a entrada nos terrenos pelos empreiteiros, quando estes não se encontram expropriados".

Empreiteiros só iniciam obras das Scut depois de parcelas de terreno serem de utilidade pública - esclarece a EuroScut

A empresa explica que "no caso da Achadinha, foi com grande surpresa que a EuroScut/Açores tomou conhecimento do mesmo".

Contactada a construtora - prossegue o esclarecimento - "esta informou que existem acordos privados com os proprietários de algumas parcelas para o arranque das obras, enquanto decorrem os procedimentos normais de declaração de utilidade pública e respectiva expropriação, garantindo-se, desta forma, a boa execução da empreitada".

"A EuroScut já pediu esclarecimentos à construtora" e adianta que - "a todos os proprietários de terrenos expropriados já foram efectuados os pagamentos, respeitando os acordos firmados" - conclui a empresa.

Carlos Tavares com Esclarecimento da EuroScut/Açores