Sociedade

Médico defende criação de centro hospitalar no Pico [Som]

Clínico no Pico há 46 anos, Simas Santos defende a criação de um centro hospitalar que responda às necessidades dos utentes da ilha.

Simas Santos, médico no Pico há 46 anos, defende a criação, naquela ilha, de um centro hospitalar que possa oferecer serviços de urgência e consultas externas.

O clínico vê com apreensão a evolução do setor e lamenta que o investimento de mais de 10 milhões de euros no Centro de Saúde da Madalena não tenha resolvido os problemas da saúde no Pico.