Sociedade

Paulo Estêvão diz que não influenciou afastamento de médico no Corvo (Som)

O deputado do PPM nega ter tido qualquer influência na exoneração do médico do Corvo.




Paulo Estêvão lembra que aquele profissional de Saúde foi apenas afastado do Conselho de Administração, mas que pode continuar a exercer como médico no Corvo.

António Salgado, o médico exonerado, responsabiliza o deputado do PPM pelo seu afastamento.

Antena 1 Açores