Ouvir
Programa da Manhã
Em Direto
Programa da Manhã Mónica Mendes e Pedro Miguel Ribeiro

Apoios

Lenine apresenta Rizoma

Lenine estreia a turné Rizoma em Portugal acompanhado de seu filho, Bruno Giorgi. 24 (Lisboa) e 27 de novembro (Porto).

|

Lenine apresenta Rizoma

O renomado cantor e compositor Lenine regressa a Portugal para uma tour íntima na companhia do seu filho, Bruno Giorgi, trazendo na bagagem os seus grandes sucessos. Não perca a oportunidade de assistir ao vivo.

De acordo com os filósofos pós-modernos Gilles Deleuze e Felix Guattari, “rizoma” é a possibilidade de abertura do pensamento, o que remete à expansão das raízes de uma planta. As narrativas não são cronológicas ou contínuas – elas sofrem interrupções e se abrem em múltiplas direções, criando novos pontos de conexão em uma história. Não à toa, Lenine e Bruno Giorgi (filho do cantor e compositor pernambucano e elogiado engenheiro de som) tomaram o conceito como inspiração para batizar a sua nova turnê, que traz no palco pai e filho. Rizoma, neste caso, o espetáculo, serve como uma plataforma para que o duo compartilhe com o público versões que ajudam a mostrar o lado artístico de ambos, formando uma teia diversificada de caminhos musicais. 

Agora, os músicos levam o novo espetáculo para Portugal, em duas datas: 24 e 27 de novembro. A primeira apresentação acontece no Casino Estoril, em Estoril, a partir das 21h30; já a segunda acontece na Casa da Música, no Porto, às 21h. Os ingressos podem ser adquiridos online (acesse aqui).

A ideia que deu início ao rizoma musical apresentado vem de um período pré-pandêmico, quando Lenine e Bruno Giorgi começaram a experimentar uma outra maneira de reproduzir as canções. "'Rizoma' surgiu de todos os incômodos e sentimentos causados pela pandemia. Foi o estímulo necessário para que eu pudesse retomar o prazer por tocar e Bruno foi essencial nesse processo", comenta. Capturando elementos das gravações originais, os dois transportam para o palco o ambiente sonoro de cada faixa, de cada projeto. Lenine crê na potência de fazer ligações entre diferentes referências artísticas, e por isso, a escolha do repertório visou abranger todos os álbuns já lançados pelo músico. “Como num universo onde tudo ruma para o caos, a vida como estado de ordem pode surgir”, pontua.

No palco, Lenine assume o microfone e o violão, enquanto Bruno se reveza entre baixo, bandolim, teclados, voz e sampler. O público pode esperar por um apanhado musical da história do artista pernambucano. Estão confirmadas no setlist composições como “Castanho” (Lenine e Carlos Posada), “Martelo Bigorna” (Lenine), “Leve e Suave” (Lenine), “O dia em que faremos contato” (Lenine e Braulio Tavares), “Tubi Tupy” (Lenine e Carlos Rennó), “Jack Soul Brasileiro” (Lenine), “Paciência” (Lenine e Dudu Falcão), entre outras.
 
Com o Apoio da Antena 1!