Ouvir
Jazz a 2
Em Direto
Jazz a 2 João Moreira dos Santos / Maria Alexandra Corvela / Luís Caetano / Produção: Cristina do Carmo

Concertos

Concerto de Câmara | OSP 25 | 14 Fevereiro

Teatro Nacional de São Carlos

|

Concerto de Câmara | OSP 25 | 14 Fevereiro Concerto de Câmara | OSP 25 | 14 Fevereiro

© Jorge Carmona / Antena 2


14 Fevereiro | 18h30

Foyer
Entrada Livre

Concerto de Câmara | Série OSP 25


Luís Vieira, trompa e curadoria
Paula Carneiro, violino
José Pereira, violino
Ceciliu Isfan, viola
Beatriz Acosta, viola
Carolina Matos, violoncelo
Joana David, piano


Programa

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) - Quinteto para Trompa, em Mi bemol Maior K.407

Johannes Brahms (1833—1897) - Trio em Mi Bemol Maior, Op. 40




A curadoria da série de concertos de câmara OSP25 fica a cargo de músicos da Orquestra Sinfónica Portuguesa que, este ano, completa 25 anos de uma atividade repleta de merecidíssimos sucessos junto de um vasto público, granjeando igualmente o aplauso crítico nacional e internacional.
Os concertos no Foyer de São Carlos são de entrada livre e têm o objetivo de tornar-se uma plataforma regular para conjuntos e músicos que desejem usufruir da atmosfera única deste Teatro, bem como da sua localização tão central.





Concerto gravado para posterior transmissão
Produção: Anabela Luís



Luís Vieira | Trompa
Natural de Castelo de Paiva. Iniciou os estudos musicais aos 6 anos na Academia de Música de Castelo de Paiva, em piano, e aos 14 anos em trompa. Licenciado na ESART (Castelo Branco) com Paulo Guerreiro, em 2010 frequentou o Curso Livre na ESMAE com Abel Pereira, e no CSMA (Saragoça) com Eric Terwilligher e Sarah Willis.
Frequentou a Escuela Superior de Musica Reina Sofia (Madrid), na classe de Radovan Vlatkovic, recebendo das mãos da Rainha Sofia de Espanha o prémio de melhor aluno da Cátedra de Trompa. É mestre pela ZHdK (Zurique), com Radovan Vlatkovic no ano de 2015. Foi academista da prestigiada Karajan Akademy da Berliner Philharmoniker entre 2013 e 2015, apresentando-se com a Orquestra sob a direção de Simon Rattle, entre outros grandes maestros. Desde 2015 é trompa solista A da Orquestra Sinfónica Portuguesa. Leciona na ESML e na ESART.



Paula Carneiro | Violino
Natural do Porto, iniciou os seus estudos aos 7 anos. Participou no estágio APROARTE em 2004 como concertino. Em 2009 e 2010 participou no estágio ibero-americano e bicentenário como assistente de concertino, em ambas, com o Maestro Gustavo Dudamel. Nas edições de 2006 e 2008 ganhou o 2º prémio no Concurso Prémio Jovens Músicos. 
Atualmente faz parte do prestigiado Ensemble Darcos. Na temporada 2015/2016 foi convidada para assumir o lugar de 2º concertino assistente da Orquestra Gulbenkian. Atualmente é chefe de naipe dos 2os violinos da Orquestra Sinfónica Portuguesa – TNSC.



José Pereira | Violino
Iniciou os seus estudos musicais na Escola Profissional de Música de Viana do Castelo com Armando Gonzalez e na ANSO (Academia Nacional Superior de Orquestra) com Aníbal Lima. Em 2003, recebeu o 2º Prémio e, em 2004, o 1º prémio em violino - nível superior no Prémio Jovens Músicos da RDP / Antena 2. Entre os principais projetos mais recentes, destaca-se a participação a solo com a Orquestra Metropolitana de Lisboa, a participação como concertino convidado na Orquestra Basel Sinfonietta e também a estreia mundial de RI-TRATTO para violino solo do compositor Heinz Holliger. Atualmente, José Pereira é membro do Remix Ensemble Casa da Música, 2º Concertino na Orquestra Metropolitana de Lisboa e professor de violino na Academia Nacional Superior de Orquestra.



Ceciliu Isfan | 
Viola
Nasceu em Deva (Roménia), onde iniciou os seus estudos de violino. Em Bucareste frequenta o Conservatório na classe de Mugar Popovici com quem estuda viola de arco. Diplomou-se na Academia George Dima, Cluj-Napoca (Roménia). Na Roménia, ganha consecutivamente o 1º prémio nacional de viola de arco entre 1983 e 1988. Entre 1990 e 1992 foi solista no naipe das violas de arco na Folkwang Kammer Orchester de Essen. Nessa altura, trabalha como assistente de Vladimir Mendelssohn. Especializou-se em música de câmara, tendo tocado em vários países da Europa. 
Integrou a Orquestra Metropolitana de Lisboa em 1992 como solista no naipe das violas de arco, sendo, igualmente, professor na Academia Nacional Superior de Música. Atualmente, é coordenador de naipe adjunto da Orquestra Sinfónica Portuguesa. Dá aulas de violino, viola de arco, música de câmara e orquestra na Escola Alemã de Lisboa e no Conservatório Regional de Artes do Montijo. Inicia a atividade de maestro com a orquestra da Escola Alemã de Lisboa com a qual participou em vários festivais e concertos. Como maestro da orquestra sinfónica do Conservatório Regional de Artes do Montijo apresentou diversos programas com repertório muito diversificado. Membro dos grupos Lautari, Belle Epoque Ensemble e Vianna da Motta.



Beatriz Acosta | Viola
Nasceu em 1997 e tem dupla nacionalidade – portuguesa e espanhola. Após concluir o Ensino Artístico Especializado em Música como violinista, licenciou-se em Música/Viola de Arco na ESML, onde frequenta o 1º ano do Mestrado em Música, na mesma variante (classe de Pedro Saglimbeni Muñoz). Desde muito jovem participou em workshops e estágios promovidos a nível nacional e internacional por entidades como a Fundação Calouste Gulbenkian (EGO), a Orchestra della Magna Grecia (projeto «Top 10 Young Musicians from Europe») e a Orchestre des Jeunes de la Méditerranée. Atualmente, é reforço a tempo integral na Orquestra Sinfónica Portuguesa.



Carolina Matos | 
Violoncelo
Natural de Viana do Castelo, é chefe de naipe auxiliar da Orquestra Sinfónica Portuguesa. Estudou com Pétia Samardjieva, Paulo Gaio Lima, Xavier Gagnepain e Daniel Grosgurin. Concluiu o mestrado na Haute École de Musique de Genève e foi bolseira da Fondation Hans Wildorf. Laureada em concursos nacionais e internacionais realizou vários concertos em França, Bélgica, Suíça, Japão, entre outros.




Joana David | Piano
Licenciou-se com elevada classificação em piano na ESMAE. Prossegue estudos em Londres onde concluiu com distinção o curso de pós-graduação em piano de acompanhamento na Royal Academy of Music. Integrou o estúdio de ópera «Placido Domingo» do Palau de les Artes Reina Sofia em Valência. É laureada pelo concurso dos Rotários 2009 (prémio melhor pianista acompanhador) e pela Royal Academy com o prémio «Scott Huxley». 
Trabalhou na ESMAE, na Escola das Artes da Universidade Católica do Porto e na Universidade de Évora. É frequentemente convidada para acompanhar master classes, concursos e audições. Em 2014, obteve o Estatuto de Especialista em Música pelo Instituto Politécnico do Porto. É pianista correpetidora no TNSC desde 2011 e pianista acompanhadora da ESML.







Fotos Jorge Carmona / Antena 2 RTP