Ouvir
Notícias
Em Direto
Notícias

Concertos

Miah Persson e Juraj Valčuha | 4 Março | 21h00

Grande Auditório

|

Miah Persson e Juraj Valčuha | 4 Março | 21h00 Miah Persson e Juraj Valčuha | 4 Março | 21h00

4 Março | 21h00
Realização e Apresentação: Reinaldo Francisco 
Produção: Susana Valente

Gravação da Rádio França 
a 17 de setembro de 2020


Miah Persson e Juraj Valčuha

Concerto Euroradio Premium

Miah Persson, soprano
Direção de Juraj Valčuha


Programa

Richard Strauss - Cinco Canções  
- Ständchen, Op. 17 nº 2 
- Freundliche Vision, Op. 48 nº 1 
- Ich wollt' ein Sträußlein binden, Op. 68 nº 2 
- Waldseligkeit, Op. 49 nº 1 
- Zueignung, Op. 10 nº 1 

Robert Schumann - Sinfonia Nº 2 em dó maior, Op. 61




Para aceder à página do Concerto, clicar aqui.



Para consultar ao Programa, clicar aqui.




Miah Persson | Cresceu em Hudiksval, na Suécia. Estudou no Operastudio 67 e na Universidade de Estocolmo. Em 1998 estreou-se nos palcos de ópera como Susanna, em As bodas de Figaro de Mozart. 
Como membro da Real Ópera da Suécia, interpretou vários papéis mozartianos, bem como Dorinda (Orlando de Händel), Frasquita (Carmen), Gabrielle (La vie Parisienne de Offenbach), ou Sophie (O Cavaleiro da Rosa de R. Strauss). 
Estreou-se no Festival de Salzburgo em 2003, regressando no ano seguinte para interpretar o papel de Sophie. Ao longo da sua brilhante carreira, interpretou, entre outros papéis: Fiordiligi (Così fan tutte), Gretel (Hansel und Gretel) e Pamina (A flauta mágica), na Metropolitan Opera; Susanna (As bodas de Figaro) e Zerlina (Don Giovanni), na Royal Opera House – Covent Garden; o papel principal em L’incoronazione di Poppea, no Carnegie Hall; The Turn of the Screw, no Scala de Milão. Apresentou-se também noutros prestigiados palcos, incluindo Wiener Staatsoper, Festival de Glyndebourne, Théâtre de Champs-Élysées, Gran Teatre del Liceu de Barcelona, Ópera da Baviera, Ópera Estadual de Hamburgo, Novo Teatro Nacional de Tóquio, ou Ópera Holandesa. Em Janeiro de 2011, foi nomeada cantora da corte pelo rei da Suécia.
Em colaboração com as grandes orquestras mundiais e sob a direção de maestros de renome internacional, Miah Persson interpretou em concerto grandes obras como a Missa em Si menor e a Paixão segundo São Mateus de J. S. Bach, a 9ª Sinfonia de Beethoven, Peer Gynt de Grieg, a Missa de Nelson e As Estações, de J. Haydn, Des Knabens Wunderhorn de Mahler, ou o Requiem de Mozart.



Fotos de Helena M.A. e Orquestra Ncional de França (Twitter)