Ouvir
Notas Finais
Em Direto
Notas Finais João Pedro

Concertos

OSP | Anabela Malarranha | 16 Janeiro

Teatro Nacional de São Carlos

|

OSP | Anabela Malarranha | 16 Janeiro OSP | Anabela Malarranha | 16 Janeiro

© Jorge Carmona / Antena 2


16 Janeiro | 18h30

Foyer do 
Entrada Livre

Concerto de Câmara | Série OSP 


Anabela Malarranha, Curadoria e Flauta 
 
Rui Matos, Flauta 
 
Carolina Matos, Violoncelo


Programa

Carl Philipp Emanuel Bach (1714–1788) - Trio em ré menor, BWV 1036

Heitor Villa-Lobos (1887–1959) - Assobio a jato, para flauta e violoncelo

Joseph Haydn (1732–1809) - «London Trio» em sol menor

Isang Yun (1917–1995) - Pezzo Fantasioso per Due Strumenti Con Basso Ad Libitum

Joseph Haydn (1732–1809) - «London trio» em dó maior





Concerto gravado para posterior transmissão
Produção: Anabela Luís




Anabela Malarranha | Natural de Évora, iniciou os seus estudos musicais em Évora, onde completou os estudos académicos na Academia de Música Eborense e na Escola Profissional de Música de Évora com Nuno Ivo Cruz.
Licenciou-se na Academia Nacional Superior de Orquestra em 1998. Em 2001 concluiu o Mestrado no Conservatório Real de Haia na Holanda com os professores Rien de Reede, Thies Roorda e Emily Beynon.
Frequentou masterclasses com William Bennett, Patrick Gallois, Peter-Lukas Graf, Aurèle Nicolet, Carlos Brunnel, Konrad Hünteler, Patricia Morris e Vincent Cortvrint (piccolo) e Jeanne Baxtreasser.
Foi laureada com o 1º prémio no Concurso da Juventude Musical Portuguesa em 1990 e 1992. Atuou como solista com várias orquestras nacionais, destacando-se a Orquestra Metropolitana de Lisboa e a Orquestra das Beiras. Das suas apresentações em recitais a solo e música de câmara, destaca-se o recital na sala pequena do Concertgebouw, em Amesterdão, incluído na programação do Curso Holland Music Sessions.
Foi 1ª flauta na Orquestra Metropolitana de Lisboa entre 2000 e 2005. Lecionou na Academia Nacional Superior de Orquestra, Escola Profissional Metropolitana, Conservatório Metropolitano de Música de Lisboa, Escola Superior de Música de Lisboa, Escola Profissional de Música de Évora, Academia de Música Eborense e Universidade de Évora. Tem orientado diversos masterclasses em Portugal desde 2000.
Integra a Orquestra Sinfónica Portuguesa do Teatro S. Carlos desde 2005.




Rui Matos



Carolina Matos | Natural de Viana do Castelo, é chefe de naipe auxiliar da Orquestra Sinfónica Portuguesa. Estudou com Pétia Samardjieva, Paulo Gaio Lima, Xavier Gagnepain e Daniel Grosgurin. Concluiu o mestrado na Haute École de Musique de Genève e foi bolseira da Fondation Hans Wildorf. Laureada em concursos nacionais e internacionais realizou vários concertos em França, Bélgica, Suíça, Japão, entre outros.    






Fotos Jorge Carmona / Antena 2