Ouvir
Vibrato
Em Direto
Vibrato Pedro Rafael Costa

Festivais

Inteligência Artificial | Festival Antena 2 | 9 Fevereiro | 15h00

Conferência

|

Inteligência Artificial | Festival Antena 2 | 9 Fevereiro | 15h00 Inteligência Artificial | Festival Antena 2 | 9 Fevereiro | 15h00

3º FESTIVAL ANTENA 2

Conferência

Salão Nobre
Teatro Nacional D. Maria II

9 Fevereiro | 15h00
Transmissão direta (antena)
Entrada Livre *
Para maiores de 12 anos


Inteligência Artificial, Desafiar o Futuro

Participantes:
Alípio Jorge
Amílcar Cardoso
Hélder Coelho
Luís Moniz Pereira
Paulo Novais
Pedro Lima
Luís Caetano (moderador)


1ª parte




2ª parte




3ª parte





Debate e pensamento com uma pergunta em mente: quais os efeitos e a influência da Inteligência Artificial a nível global no futuro próximo e a prazo? 

A conferência conta com a reflexão e o conhecimento de seis investigadores e académicos portugueses consagrados na área da Inteligência Artificial moderados por Luís Caetano. 
Paulo Novais (Universidade do Minho) fala-nos de ambientes inteligentes. Alípio Jorge (Faculdade de Ciências da Universidade do Porto) aborda o desenvolvimento de técnicas de aprendizagem em máquinas (machine learning). Amílcar Cardoso (Universidade de Coimbra) relaciona a Inteligência Artificial com a criatividade. Pedro Lima (Instituto Superior Técnico de Lisboa) atualiza os conhecimentos ligados à robótica. Hélder Coelho (Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa) resume o estado da arte no campo das neurociências, e Luís Moniz Pereira (Universidade Nova de Lisboa) ajuda-nos a refletir sobre as questões de ética associadas à Inteligência Artificial.



Notas biográficas


Alípio M. Jorge é professor associado da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, onde é diretor do Departamento de Ciência de Computadores. É coordenador do LIAAD, Laboratório de Inteligência Artificial e Apoio à Decisão do INESC TEC. É doutorado e licenciado em Ciência da Computadores pela U. Porto e obteve um Mestrado em Computação pelo Imperial College. É investigador em Machine Learning e Data Mining com foco em Sistemas de Recomendação e Extração de Informação. É diretor do Mestrado em Ciência de Dados da FCUP e esteve no lançamento do Mestrado em Análise de da Dados e Sistemas de Apoio à Decisão da FEP. Lidera projetos de investigação e transferência de tecnologia em data mining e inteligência artificial. Organiza regularmente conferências na área e foi vice-presidente da APPIA - Associação Portuguesa de Inteligência Artificial de 2000 a 2008. É atualmente representante de Portugal (sherpa) na definição da estratégia Europeia de IA.


Amílcar Cardoso
é docente da Universidade de Coimbra (FCTUC), onde leciona temas como inteligência artificial e criatividade computacional. Realiza investigação no Centro de Informática e Sistemas (CISUC), onde integra o grupo Cognitive and Media Systems. É vice-presidente da direção do Instituto Pedro Nunes, o interface tecnológico da UC com o tecido empresarial. Exerce ainda a função de Provedor Académico da FCTUC.
Desenvolveu trabalho pioneiro em Criatividade Computacional nos anos 90, tendo assumido desde então um papel ativo na área. Foi fundador da Conferência Internacional em Criatividade Computacional (ICCC) e da Association for Computational Creativity (ACC), onde exerce funções de Tesoureiro. Participou em dois projetos europeus (FP7/ICT/FET) em criatividade computacional : PROSECCO (Promoting the Scientific Exploration of Computational Creativity) e ConCreTe (Concept Creation Technology). É co-editor do livro “Computational Creativity - The Philosophy and Engineering of Autonomously Creative Systems”, que será publicado pela Springer no início de
2019. Nos últimos anos, a sua investigação focou-se principalmente em modelos computacionais de Fusão Conceptual (Conceptual Blending).


Hélder Coelho é Professor Catedrático Jubilado e Emérito da Universidade de Lisboa no Departamento de Informática da Faculdade de Ciências (FCUL) (1995-2014), e Membro Efetivo da Academia de Engenharia desde Dezembro de 1999. EurAI/ECCAI Fellow desde 2002. Foi representante português no Technical Committee Artificial Intelligence (TC12) da IFIP e Presidente do IFIP WG 12.3 (Agents). Presidente do Comité Coordenador do Iberamia no período 1996-2010. Membro do Conselho Consultivo do Iberamia (2010- ). Presidente do Instituto das Ciências da Complexidade (2004-08). Editor do International Journal of Artificial Intelligence (Ceser Publications) e do Progress in Artificial Intelligence (Springer). Foi General Chair do ECAI-2010, Program Chair do IBERAMIA-1998 e Program Co-Chair dos SBIA/IBERAMIA-2000 e 2006. Actualmente é membro do Conselho Consultivo da Unidade de I&DE UECE do ISEG/UL e da FCT, do Advising Board do Congresso EPIA/APPIA, membro do Steering Committee das Workshops MASTA e BWSS, e foi Senior PC member da AAMAS Conference (2008-12). No período em que lecionou na FCUL foi responsável pelas disciplinas IA, IIA, TAIA, SMA, EC, GC, EGO e CLC da LEI, e do M/D de Ciência Cognitiva. É membro da rede internacional Complex Systems Digital Campus UniTwin da UNESCO. Em 2014 foi um dos apoiantes da proposta à ULisboa para a criação do Colégio Doutoral Mente-Cérebro, sendo presentemente o Coordenador do seu Conselho Consultivo.


Luís Moniz Pereira é o investigador português com mais publicações científicas e projectos de Inteligência Artificial, ao longo de 40 anos. Engenheiro Electrotécnico pelo IST, doutorou-se em Cibernética em 1974 pela U. Brunel, foi Research Fellow na U. Edimburgo e obteve em 1980 a Agregação em Inteligência Artificial pela UNL. Doutor honoris causa pela U. Dresden. Considerado um dos fundadores da Programação em Lógica. Fundou e presidiu a Associação Portuguesa Para a Inteligência Artificial. Prémio Ciência da Fundação Gulbenkian em 1984, Prémio Boa Esperança em 1994 e Prémio Estímulo à Ciência em 2005. Fellow do Comité Coordenador Europeu para a Inteligência Artificial.
Presentemente é professor catedrático e investigador do "NOVA Laboratory for Computer Science and Informatics" da UNL, aposentado, e membro do conselho científico do IMDEA, Madrid. Publicou centenas de artigos e desenvolveu ferramentas de software, disponíveis em http://centria.di.fct.unl.pt/~lmp, tendo leccionado Inteligência Artificial e Ciências Cognitivas. Doutorou 19 investigadores. Foi também consultor internacional em projetos de investigação da Apple, DEC, Westinghouse, World Health Organization.
As suas áreas de investigação actuais centram-se no Raciocínio Computacional, Teoria Evolucionária dos Jogos, Moral das Máquinas, e Ciências Cognitivas.


Paulo Novais é Professor do Departamento de Informática e investigador no centro ALGORITMI, na Escola de Engenharia da Universidade do Minho. A sua investigação centra-se na área científica da Inteligência Artificial e dos Sistemas Inteligentes. Mais recentemente, tem-se focado em conceitos ligados a Decisão, Inteligência Ambiente, Ambientes de Vida Assistida e Análise Comportamental. Diretor do Programa de Doutoramento em Informática e, cofundador e Diretor-Adjunto do Mestrado em Direito e Informática da Universidade do Minho.
Coautor de mais de 350 artigos científicos publicados em revistas internacionais e conferências, e livros. Recebeu diversos prémios internacionais, dos quais se destaca recentemente: Best Application Paper Award na ISAmI 2018 e EPIA 2017, Best Paper Award na Agreement Technologies 2016 , Best Student Paper na PECCS 2015 e ainda o IBM Award of Scientific Excellence, na PAAMS 2017
Presidente da APPIA (Associação Portuguesa para a Inteligência Artificial). Representante de Portugal na IFIP (International Federation for Information Processing) - TC 12 Artificial Intelligence e na ISO (International Organization for Standardization), ISO/IEC JTC 1/SC 42, Artificial Intelligence. Membro da comissão executiva da IBERAMIA (IberoAmerican Society of Artificial Intelligence) e senior member da IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers). Coordenador da Comissão Científica do Programa de Bolsas Gulbenkian Novos Talentos em Inteligência Artificial da Fundação Calouste Gulbenkian.


Pedro U. Lima é professor no Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores do Instituto Superior Técnico (IST), onde se licenciou e concluiu também o Mestrado pré-Bolonha em Engenharia Electrotécnica e de Computadores. Doutorou-se em Electrical Engineering no Rensselaer Polytechnic Institute, Troy, New York, USA, em 1994. É investigador no Instituto de Sistemas e Robótica do IST (ISR/IST), unidade do Laboratório Associado LARSyS, onde coordena o grupo de Robôs e Sistemas Inteligentes.
Foi presidente e membro fundador do Sociedade Portuguesa de Robótica, Delegado Nacional para os programas da UE e da ESA em Robótica Espacial e distinguido com uma Cátedra de Excelência na Universidad Carlos III de Madrid, Espanha, em 2010.
Tem tido grande atividade na promoção da investigação e desenvolvimento em Robótica através de competições internacionais e coordenou um dos dois projetos europeus pioneiros nessa área (RoCKIn), sendo também membro do Technical Advisory Board da Mohamed Bin Zayed International Robotics Challenge (MBZIRC), que teve lugar nos Emirados Árabes Unidos em Março de 2017, estando prevista nova edição em 2019. É atualmente Trustee da RoboCup Federation, e foi organizador do RoboCup2004, realizado em Lisboa, e Coordenador do projeto europeu FP7 RoCKIn – em torno do tema das competições de robôs para promoção da investigação em robôs domésticos e industriais. Está frequentemente envolvido em atividades de promoção da Ciência e Tecnologia em Portugal. 




* Mediante disponibilidade dos lugares da sala


Para mais informações, sobre horários de abertura das salas, acessibilidades e bilheteira, contatar o Teatro Nacional D. Maria II.