Ouvir
Mezza-Voce
Em Direto
Mezza-Voce André Cunha Leal / Produção: Susana Valente

Letras de Canções


Epilogue / Epílogo

Letra Original:


Epilogue

To-morrow, to-morrow, and to-morrow,
Creeps in this petty pace from day to day

To the last syllable of recorded time,
And all our yesterdays have lighted fools
The way to dusty death. Out, out, brief candle, out!
Life's but a walking shadow, a poor player,
That struts and frets his hour upon the stage,

And then is heard no more; it is a tale
Told by an idiot, full of sound and fury,
Signifying nothing.

(from "Macbeth")

 

Tradução para Português:


Epílogo

O dia de amanhã, amanhã e amanhã,
Se arrasta neste insignificante ritmo de dia para dia

Até à última sílaba do tempo registado,
E todos os nossos ontens iluminaram loucos
Para a sepultura e para o pó. Fora, fora, breve luz, fora!
A vida é apenas uma sombra ambulante, um pobre actor,
Que se pavoneia e passa as suas horas sobre o palco,

E então não se ouve mais; é um conto
Dito por um idiota, cheio de som e fúria
De significado vazio.

(de "Macbeth")