Ouvir
Véu Diáfano
Em Direto
Véu Diáfano Pedro Amaral

Letras de Canções


When I am dead, my dearest / Quando eu morrer, minha querida

Letra Original:


When I am dead, my dearest (Christina Rossetti)

When I am dead, my dearest,
Sing no sad songs for me;
Plant thou no roses at my head,
Nor shady cypress tree:
Be the green grass above me
With showers and dewdrops wet;
And if thou wilt, remember,
And if thou wilt, forget.

I shall not see the shadows,
I shall not feel the rain;
I shall not hear the nightingale
Sing on, as if in pain:
And dreaming through the twilight
That doth not rise nor set,
Haply I may remember,
And haply may forget.

Tradução para Português:


Quando eu morrer, minha querida (Christina Rossetti)

Quando eu morrer, minha querida,
Não me cantes canções tristes;
Não coloques rosas na minha cabeça,
Nem o sombrio cipreste:
Que a erva verde fique em cima de mim
Com aguaceiros e gotas de orvalho molhada
E se tu quiseres, lembra-te,
E se tu quiseres, esquece.

Eu não verei as sombras
Eu não sentirei a chuva;
Eu não ouvirei o rouxinol
Cantar, como se em dor:
E sonhando através do crepúsculo
Que não se levanta nem se põe,
Por acaso eu posso lembrar-me
E por acaso posso esquecer.