Ouvir
Olhar a Lua
Em Direto
Olhar a Lua Tomás Anahory

Metropolitan

Met | G. Gershwin | Porgy and Bess | 23 Abril | 18h00

Metropolitan Opera

|

Met | G. Gershwin | Porgy and Bess | 23 Abril | 18h00 Met | G. Gershwin | Porgy and Bess | 23 Abril | 18h00

de Nova Iorque

23 Abril | 18h00


George Gershwin | Porgy and Bess 


Bess: Angel Blue (S)
Clara: Janai Brugger (S)
Serena: Latonia Moore (S)
Maria: Tichina Vaughn (MS)
Sportin' Life: Frederick Ballentine (T)
Porgy: Eric Owens (BT)
Crown: Alfred Walker (B-BT)
Jake: Ryan Speedo Green (BT)

Coro e Orquestra do Metropolitan. 
Direção de David Robertson




Para saber mais sobre esta récita, clicar aqui.





Transmissão da gravação
realizada em The Metropolitan Opera de Nova Iorque
no Outono de 2021
Realização e Apresentação: André Cunha Leal
Produção: Susana Valente




Porgy and Bess 

Ópera em 3 atos

Música de George Gershwin (1898-1937)
Libreto de DuBose Heyward (1885-1940) e letras de Heyward e Ira Gershwin (1896-1983)

Esta ópera tem como base o romance Porgy, de DuBose Heyward, e a sua peça posterior e homónima que escreveu com sua mulher, Dorothy Heyward. O tema, comum às três obras, versa a vida dos afro-americanos na localidade fictícia de Catfish Row (baseada em Cabbage Row) em Charleston, na Carolina do Sul, no início da década de 1920.
Concebida originalmente por George Gershwin como uma "ópera folclórica americana", Porgy and Bess estreou em Nova York, na Broadway, no outono de 1935, com um elenco composto unicamente por cantores negros com formação clássica - uma escolha artística ousada à época. Gershwin escolheu a musicóloga Eva Jessye, também afro-americana, como diretora de coro da ópera.