Ouvir
Vibrato
Em Direto
Vibrato Pedro Rafael Costa

Ópera

Rossini | Adina | 8 Junho 18h00

Mezza-Voce

|

Rossini | Adina | 8 Junho 18h00 Rossini | Adina | 8 Junho 18h00

8 Junho | 18h00

Programa Mezza-Voce    
Apresentação e Realização: André Cunha Leal 
Produção: Susana Valente     

Gravação da Radiotelevisão Italiana
a 12 de Agosto de 2018


Gioacchino Rossini | Adina


Califo: Vito Priante (BT)
Adina: Lisette Oropesa (S)
Selimo: Levy Sekgapane (T)
Ali: Matteo Macchioni (T)
Mustafà: Davide Giangregorio (BT)

Orquestra Sinfónica Gioacchino Rossini
Direção de Diego Matheuz




Adina ou O califa de Bagdad

Ópera-Farsa em um ato e 4 cenas

Música de Gioacchino Rossini (1792-1868)
Libreto de Marchese Gherardo Bevilacqua-Aldobrandini, adaptado do libreto Il califo e la schiava de Felice Romani. 

A estreia de Adina ocorreu no Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, a 22 de junho de 1826, com as interpretações de João Oracio Cartagenova (Califfo), Luiza Valesi (Adina), Luiz Ravaglia (Selimo), Gaspar Martinelli (Alì) e Filippe Spada (Mustafà).


Adina foi encomendada em 1818 por Pina Manique, intendente-geral da polícia e elemento fundamental na construção do Teatro, para dar como um presente a uma soprano ainda não identificada, e que tinha encantado o magistrado nas suas interpretações no São Carlos.
Composta por Rossini em Bolonha entre meados de abril e final de maio de 1818, foi estreada apenas oito anos após a sua conclusão.


Para além da récita em Lisboa, não se conhece nenhuma outra apresentação até 1963, pela Accademia Chigiana de Siena.