Ainda há westerns?
Viggo Mortensen e Ed Harris:
como se fosse possível regressar ao cinema dos anos 40/50

Mais CinemaCinema Norte-americano  

Ainda há "westerns"?

Para Ed Harris, actor e realizador de "Appaloosa", a resposta a esta pergunta envolve, pelo menos, alguma esperança: talvez o "western" possa sobreviver através da sua nostalgia

Olhamos para estes heróis e somos projectados nas memórias (também elas heróicas) do cinema americano dos anos 40/50 — dir-se-ia que Ed Harris quis fazer um western "à moda antiga", como se desde a idade de ouro de Hollywood o cinema não tivesse mudado (várias vezes) de rumo.

O resultado é inevitavelmente simpático e irremediavelmente limitado. De facto, já não existe um sistema industrial que sustente o western como género específico. Daí que "Appaloosa" apresente aquela ar polido e maneirista de um objecto que gostaria de pertencer a uma fábrica que, afinal, mudou todas as regras da sua produção.

E não deixa de ser irónico que isso aconteça através de um elenco, no mínimo, invulgar. Ed Harris assume o protagonismo, no papel do emblemático "marshall", tendo convidado Viggo Mortense para o papel de seu ajudante (contracenara com ele em "Uma História de Violência", de David Cronenberg), além de dois actores "oscarizados": Jeremy Irons e Renée Zellweger. Há algumas grandes produções que não se podem gabar de juntar tantos nomes de prestígio...

 

 

APPALOOSA

De Ed Harris
com Ed Harris, Jeremy Irons, Renée ZellwegerDrama, Western
115m
M/12
Estados Unidos da América
2008

Ouça a opinião de João Lopes


por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Mais CinemaCinema Norte-americano