CONVERSA ACABADA (1980)

DVDDVD Memória  

CONVERSA ACABADA (1980)

No momento em que João Botelho lança "Filme do Desespero", vale a pena regressar à sua primeira longa-metragem, também ela marcada pela obra de Fernando Pessoa e, mais especificamente, pela relação entre Pessoa e Mário de Sá-Carneiro. Além do mais, pela sua utilização do ecrã virtual como cenário de fundo, "Conversa Acabada" foi também um filme pioneiro de muitas transformações técnicas e narrativas a que assistimos nas últimas décadas.

Fernando Pessoa e Mário de Sá-Carneiro — interpretados, respectivamente, por Fernando Cabral Martins e André Gomes — surgem em "Conversa Acabada" como pólos complementares de uma interrogação radical: o que é isso de ser português? Ou ainda: como é que a condição de ser português se define e, de algum modo, se reinventa através das singularidades da nossa língua?

Tirando o melhor partido do ecrã virtual (tal como existia há trinta anos), este é um filme indissociável de todo uma assumida teatralidade que passa, não apenas pelo artifício das composições, mas também pelo peso específico das palavras. Afinal de contas, de Manoel de Oliveira a Jacques Rivette, passando por David Lynch, essa tetralidade é essencial para compreender algumas das vias fundamentais do cinema moderno.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de DVDDVD Memória