Cannes homenageia Jean Paul Belmondo
Jean Paul Belmondo em "Pedro O Louco", de Jean-Luc Godard

Cannes 2011  

Cannes homenageia Jean Paul Belmondo

Festival pretende distinguir a versatilidade do actor.

A 64ª edição do Festival de Cinema de Cannes homenageará o actor Jean-Paul Belmondo, definido pela organização como "um dos maiores actores franceses de todos os tempos", tendo sido capaz de conjugar "o melhor do cinema dos anos 1960 e 1970".

O actor ganhou notoriedade como principal rosto masculino da nouvelle vague, participando nos clássicos "Acossado" (1959), "Uma Mulher é Uma Mulher" (1961) e "Pedro O Louco" (1965), todos de Jean-Luc Godard.

Sob a direção de Philippe de Broca, protagonizando filmes de aventuras como "Cartouche" (1962), Belmondo projectou-se como o actor francês mais popular. Entre o final dos anos 1960 e o começo da década de 80, ele participou em diversos filmes de acção para o grande público, especializando-se no papel de aventureiro refinado.

Apesar do sucesso comercial, Belmondo não abandonou os dramas artísticos, como "Stavisky, O Grande Jogador" (1974), de Alain Resnais, e "Os Miseráveis" (1995), de Claude Lelouch.

O seu filme mais recente é "Un Homme et son Chien" (2008). O Festival de Cannes decorrerá entre 11 e 22 de Maio e Belmondo será homenageado com 78 anos. Oportunamente, estreará um documentário sobre o actor, realizado por Vincent Perrot e Jeff Domenec.

 

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cannes 2011