Cavalo Dinheiro estreia-se em dezembro
"Cavalo Dinheiro": o primeiro filme de Pedro Costa em cinco anos.

Cinema Português  

"Cavalo Dinheiro" estreia-se em dezembro

O novo filme de Pedro Costa é um dos três filmes portugueses que vão estrear antes do final do ano.

Artigo recomendado:
Cavalo Dinheiro estreia-se em dezembro
Cinema Português
Pedro Costa ganha prémio de Melhor Realizador no Festival de Locarno O prémio do certame suiço foi atribuído pela realização da longa-metragem "Cavalo Dinheiro".

O filme "Cavalo Dinheiro", do realizador português Pedro Costa, estreia-se nos cinemas portugueses a 4 de dezembro, revelou a distribuidora Midas Filmes.

O filme foi apresentado em estreia mundial no Festival de Cinema de Locarno, na Suíça, no passado mês de agosto (ver artigo recomendado), estreia-se em dezembro em quatro salas portuguesas e tem exibição comercial garantida, a partir de 2015, nos Estados Unidos, Reino Unido, França, Bélgica e Japão.

"Cavalo Dinheiro" volta a ser protagonizado por Ventura, o cabo-verdiano que entrou no filme "Juventude em Marcha" e que Pedro Costa conheceu na rodagem de dois outros filmes no bairro das Fontaínhas (já demolido), nos arredores de Lisboa: "Ossos" (1997) e "No quarto da Vanda" (2000).

Em setembro passado, numa entrevista à revista Film Commment, Pedro Costa explicou que "Cavalo Dinheiro" começou por ser pensado para o músico e poeta norte-americano Gil-Scott Heron, que interpretaria e escrevia um par de canções.

A ideia de Pedro Costa acabou por não ser concretizada porque Gil-Scott Heron morreu em maio de 2011, aos 62 anos.

Com este filme, Pedro Costa recebeu em Locarno o prémio de melhor realizador e o prémio da Federação Internacional de Cineclubes.

De acordo com a Midas Filmes, Pedro Costa será alvo de uma retrospetiva em abril de 2015, no Lincoln Center, em Nova Iorque, acompanhando a estreia do filme nos Estados Unidos.

A distribuidora refere ainda que em 2014, "Cavalo Dinheiro" foi e será exibido em 35 festivais internacionais - Brasil, Índia, Coreia do Sul e Estados Unidos, só para citar alguns. Em 2015 estão previstas, pelo menos, presenças em 15 outros festivais, nomeadamente o Courtisane Festival Ghent (Bélgica) e o Taipei Film Festival (Taiwan), que farão retrospetivas integrais do cineasta.

Nos anos mais recentes, antes de "Cavalo Dinheiro", Pedro Costa participou no filme coletivo "Centro Histórico" (2012), composto por curtas-metragens feitas também por Manoel de Oliveira, Victor Erice e Aki Kaurismaki, fez a curta-metragem "O Nosso Homem" (2010) e o documentário "Ne Change Rien" (2009).

O cinema nacional no decorrer de 2014
Em 2014 estrearam-se nas salas de cinema 33 longas-metragens portuguesas, ou nas quais Portugal participou como co-produtor, segundo dados do Instituto do Cinema e Audiovisual.

"Os Maias - Cenas da Vida Romântica", de João Botelho, é até agora o filme português mais visto de 2014, totalizando cerca de 99.400 espetadores.

Até ao final do ano estão previstas, pelo menos, as estreias da comédia "Virados do avesso", de Edgar Pêra (dia 27 de novembro), e a curta-metragem "O velho do Restelo", de Manoel de Oliveira, a 11 de dezembro.

A estes filmes juntam-se "As variações de Casanova", de Michael Sturminger (estreia-se a 4 de dezembro), rodado em Portugal, protagonizado por John Malkovich e co-produzido por Portugal, França, Áustria e Alemanha, assim como "Pontes de Sarajevo", filme coletivo que conta com uma curta-metragem de Teresa Villaverde, que se estreia a 13 de novembro.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema Português