Cinema português com forte presença em Veneza
Filmagem de "Linhas de Wellington": Albano Jerónimo, Adriano Luz com Joana de Verona ao fundo.

Festival Veneza 2012  

Cinema português com forte presença em Veneza

Novo filme de Manoel de Oliveira e a mais recente produção de Paulo Branco incluídos na seleção oficial.

Artigo recomendado:
Cinema português com forte presença em Veneza
Rodagem
Paulo Branco nas linhas da revolução francesa O CINEMAX acompanhou parte das rodagens de "As Linhas de Torres", o filme histórico na senda de "Mistérios de Lisboa" mas que Raul Ruiz já ...
Cinemax Rádio:
Outros Áudios
Veneza 2012: Antevisão portugueses
Outros Áudios
Veneza 2012: Antevisão competição

As produções nacionais "O Gebo e a Sombra', de Manoel de Oliveira, e "Linhas de Wellington', de Valeria Sarmiento e Raul Ruiz, foram seleccionados para a 69ª edição do festival de cinema de Veneza, que decorrerá em Itália, de 29 de Agosto a 8 de Setembro.

"Linhas de Wellington" (chegou a ser designado como Linhas de Torres - ver reportagem sobre a rodagem no artigo recomendado) é um dos 18 filmes incluídos na seleção oficial. Raoul Ruiz morreu antes de dirigir esta co-produção luso francesa de Paulo Branco e foi a sua companheira e realizadora Valeria Sarmiento a concluir o projeto.

"Linhas de Wellington" é uma produção histórica que recria a terceira invasão francesa em Portugal, no começo do século XIX, quando o general Arthur Wellesley, duque de Wellington, liderou um exército anglo-português e utilizou uma estratégia vitoriosa com base nas Linhas de Torres Vedras, as fortificações que protegiam Lisboa.

Do filme fizeram parte actores como John Malkovich, Marisa Paredes, Nuno Lopes, Carlotto Cota, Albano Jerónimo, Soraia Chaves, Maria João Bastos, Catherine Deneuve, Michel Piccoli, Mathieu Amalric e cerca de cinco mil figurantes.

Manoel de Oliveira regressará a Veneza para apresentar o seu mais recente filme, "O Gebo e a Sombra". Aos 103 anos o decano dos cineastas ressurge num grande festival com esta adaptação de uma peça de teatro de Raúl Brandão, sobre pobreza, honra e sacrifícios. O filme conta com as interpretações de Michael Lonsdale, Claudia Cardinale, Leonor Silveira, Ricardo Trêpa, Jeanne Moreau e Luís Miguel Cintra.

Malick e Brian de Palma em competição pelo Leão de Ouro
Na seleção oficial surge "To the Wonder", o novo filme de Terrence Malick, que assim regressa à competição de um grande festival, um ano após ter ganho a Palma de Ouro em Cannes com "A Árvore da Vida".  Veneza assistirá ainda à estreia mundial de "Passion", o primeiro filme que Brian De Palma realiza em cinco anos. E ainda do muito aguardado "The Master", de Paul Thomas Anderson.

Na competição pelo Leão de Ouro surgem autores reconhecidos nos circuito de festivais, como o italino Marco Bellocchio ("Bella Addormentata"), o japonês Takeshi Kitano, que mostrará "Outrage: Beyond", sequência de "Outrage" (2010), o francês Olivier Assayas ("Après Mai"), o filipino Brillante Mendoza ("Thy Womb") e o sul-coreano Kim Ki-Duk ("Pieta").

Suscita alguma curiosidade a inclusão do norte-americano "Spring Breakers", um filme que conta a história de quatro raparigas que assaltam um bar para financiarem as férias de verão. As estrelas adolescentes Selena Gomez e Vanessa Hudgens surgem no elenco ao lado de James Franco e a realização é de Harmony Korine, argumenista do controverso "Kids" (1995).

É uma seleção oficial mais curta do que é habitual, com 18 títulos, indo de encontro à pretensão do novo director do festival, Alberto Barbera, que prendia uma edição mais sóbria, com menos filmes a competir pelo Leão de Ouro.

Fora da competição, serão exibidos os novos filmes de Michael Mann, Robert Redford e Spike Lee. O primeiro apresenta "The Company You Keep", no qual Redford também contracena com Shia LaBeouf e Julie Christie. Já Spike Lee mostrará no evento o documentário "Bad 25", sobre Michael Jackson. Michael Mann, que estará no Lido na condição de presidente do júri, apresentará o documentário "Witness. Lybia".

O festival abre com "The Reluctant Fundamentalist", de Mira Nair, com Kate Hudson e Kiefer Sutherland no elenco, e fecha com Gerard Depardieu em destaque no filme "L'Homme Qui Rit", de Jean-Pierre Ameris.

O 69º Festival de Veneza decorrerá entre 29 de agosto e 8 de setembro. O júri vai ser presidido pelo cineasta Michael Mann e terá a participação da atriz britânica Samantha Morton, do realizador argentino Pablo Trapero e da atriz e modelo francesa Laetitia Casta.

Seleção oficial competição 69º festival de Veneza 2012
The Master, Paul Thomas ANDERSON (EUA)
Après Mai (Something In The Air), de Olivier ASSAYAS (França)
At Any Price, de Ramin BAHRANI (EUA, Reino Unido)
Bella Addormentata, de Marco Bellocchio (Itália, França)
La Cinquième Saison, de Peter BROSENS e Jessica WOODWORTH (Bélgica, Holanda, França)
Lemale Et Ha’chalal (Fill The Void), de Rama BURSHTEIN (Israel)
È Stato Il Figlio, de Daniele CIPRÌ (Itália)
Un Giorno Speciale, de Francesca COMENCINI (Itália)
Passion, de Brian DE PALMA (França, Alemanha)
Superstar, de Xavier GIANNOLI (Bélgica, França)
Pieta, de Kim KI-DUK (Coreia do Sul)
Outrage Beyond, de Takeshi KITANO (Japão)
Spring Breakers, de Harmony KORINE (EUA)
To The Wonder, de Terrence MALICK (EUA)
Sinapupunan (Thy Womb), Brillante MENDOZA (Filipinas)
Linhas de Wellington, de Valeria SARMIENTO (França, Portugal)
Paradies: Glaube (Paradise: Faith), de Ulrich SEIDL (Alemanha, Áustria, França)
Izmena (Betrayal), de Kirill SEREBRENNIKOV (Rússia)

por
publicado 18:59 - 26 julho '12

Recomendamos: Veja mais Artigos de Veneza 2012