Exótica, de Sérgio Cruz, premiado na Alemanha
O ritmo de Maputo é captado numa curta-metragem documental

Cinema Português  

"Exótica", de Sérgio Cruz, premiado na Alemanha

Documentário sobre a cidade de Maputo soma prémios internacionais.

O filme do realizador português Sérgio Cruz, “Exótica”, é um dos vencedores do Delphic Art Movie Award 2011, o concurso internacional, destinado aos documentários de curta-metragem.

Rodado na capital de Moçambique, "Exótica", exprime ao longo de cinco minutos um olhar sobre as essências de Maputo, através da urbanidade, dos ritmos e dos movimentos. Sérgio Cruz descreve o filme como um poema, sem dialógos, feito pela sobreposição de imagens e de sons, que percorrem o contacto com a cidade, a natureza e a comunidade local da dança e da música.

A curta-metragem surge de uma residência artística em Maputo, ao longo de três semanas, em 2008, e da colaboração do realizador com o coreografo Miguel Pereira. O filme foi também premiado em dois festivais portugueses e na Bélgica, além de ter sido nomeado internacionalmente para dezenas de festivais de cinema e vídeo.

Sérgio Cuz, reside em Londres onde tem realizado vários trabalhos, com incidência na curta-metragem.

por
publicado 15:29 - 17 março '11

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema Português