Festival de Cannes não se realiza (nem mesmo em edição virtual)
Thierry Frémaux: um festival é para "estarmos juntos"

Festivais  

Festival de Cannes não se realiza (nem mesmo em edição virtual)

Depois de muitas dúvidas e alguns adiamentos, o Festival de Cannes tomou a decisão de cancelar a sua edição de 2020 (a começar no dia 12 de maio), mantendo-se fiel à importância de mostrar os filmes no "grande ecrã".

Artigo recomendado:
Festival de Cannes não se realiza (nem mesmo em edição virtual)
Festivais
Cannes... sim, não, talvez... As restrições impostas aos grandes eventos públicos levaram o Festival de Cannes a desistir da hipótese de concretizar a sua 73ª edição em ...

Todos os cinéfilos faziam votos para que a notícia não chegasse... Mas chegou: a edição de 2020 do Festival de Cannes não se realizará.

A notícia foi dada por Thierry Frémaux, delegado-geral do certame, em entrevista à revista "L'Obs" (disponível no site oficial do festival). Num gesto de claro simbolismo, a informação surgiu na véspera do dia 12 de maio, data em que, em condições normais, deveria arrancar a 73ª edição do maior certame cinematográfico do mundo.

A hipótese de fazer um "festival virtual", com um eventual "palmarés de confinamento", foi claramente posta de parte por Frémaux, lembrando que a exibição de um filme em Cannes — o "estarmos juntos" de um encontro cinéfilo — é o "ponto de partida para uma aventura no grande ecrã". E recordou exemplos do impacto global de títulos da edição de 2019 como "Parasitas" (Palma de Ouro), "Os Miseráveis" ou "Retrato da Rapariga em Chamas".

Em qualquer caso, o Mercado do Filme terá uma edição virtual (22 a 26 de junho). Frémaux referiu também que, no sentido de apoiar os filmes que deverão ser lançados nas salas e "precisam do nosso apoio", o certame irá divulgar os resultados da sua selecção feita, tal como ano anterior, a partir de cerca de 1500 títulos.

Quanto a Spike Lee, que seria o presidente do júri deste ano, Frémaux deu conta do seu constante apoio ao festival, tendo manifestado disponibilidade para assumir em 2021 a tarefa que, agora, não foi possível concretizar. O seu filme "Da 5 Bloods", recentemente anunciado para a Netflix (12 junho), deveria constar da selecção oficial.

  • Festival de Cannes não se realiza (nem mesmo em edição virtual)
    Cinema norte-americano
    Netflix tem mais um trunfo: Spike Lee
    "Da 5 Bloods" é a estreia de Spike Lee como realizador de uma longa-metragem para a Netflix: o filme tem estreia marcada para o dia 12 de ...
  • Festival de Cannes não se realiza (nem mesmo em edição virtual)
    Festivais
    Canceladas secções paralelas de Cannes
    Depois do comunicado oficial do Festival de Cannes, anulando uma eventual realização do certame em junho/julho, a Quinzena dos ...
por
publicado 19:10 - 11 maio '20

Recomendamos: Veja mais Artigos de