Inédito de Oliveira estará em Cannes
A Casa da Vilarinha, lugar central do filme "Visita ou Memórias e Confissões"

Cinema português  

Inédito de Oliveira estará em Cannes

O filme inédito de Manoel de Oliveira está incluído na programação oficial da secção "Cannes Classics" — antes, será apresentado no Porto e em Lisboa, respectivamente a 4 e 5 de Maio.

Artigo recomendado:
Inédito de Oliveira estará em Cannes
Cinema Português
Inédito de Oliveira revelado em maio "Visita ou Memórias e Confissões" estreará no Rivoli, no Porto, e na Cinemateca Portuguesa, em Lisboa, nos dias 4 e 5 de maio.

O filme póstumo de Manoel de Oliveira, "Visita ou Memórias e Confissões", vai estar presente na 68ª edição do Festival de Cannes. O certame anunciou a sua passagem na secção "Cannes Classics", resultante de acordo estabelecido com Adelaide Trepa e Manuel Casimiro, filha e neto do cineastas, com a colaboração de José Manuel Costa e Rui Machado, respectivamente director e subdirector da Cinemateca Portuguesa.

"Visita ou Memórias e Confissões" integrará, assim, uma secção cuja dimensão e importância não têm parado de crescer. Este ano, "Cannes Classics" incluirá, entre outros títulos, documentários sobre Ingrid Bergman (cuja imagem está no cartaz oficial do certame), Sidney Lumet e Alfred Hitchcock/François Truffaut, bem como um panorama de filmes restaurados dos irmãos Lumière, assinalando o 120º aniversário da primeira projecção pública de cinema.

Entretanto, tal como já tinha sido anunciado, "Visita ou Memórias e Confissões" terá as suas primeiras projecções no Porto (Rivoli) e em Lisboa (Cinemateca), respectivamente nos dias 4 e 5 de Maio. Novidade é o facto de ambas as cidades acolherem duas passagens do filme: dia 4, às 18h30 e 21h30; dia 5, às 21h45 e 23h15.

por
publicado 23:24 - 30 abril '15

Recomendamos: Veja mais Artigos de Manoel de OliveiraCinema Português