João Botelho pretende filmar Os Maias
Leonardo Vieira e Simone Spoladore (Pedro da Maia e Maria Monforte) na mini série produzida pela Rede Globo e SIC em 2001.

Cinema Português  

João Botelho pretende filmar "Os Maias"

O realizador vai procurar financiamento no Brasil.

O realizador português João Botelho anunciou que o seu próximo projeto será adaptar a obra literária "Os Maias", de Eça de Queirós, para cinema.

"Depois de Eça escrever "Os Maias" em 1888, Portugal entrou numa bancarrota que levou mais de cem anos para ser quitada. Só a acabámos de pagar em 2001. O que dizem os políticos n"Os Maias' é igual ao que dizem agora. É só tirar um pouco dos bigodes e dos 'frufrus' todos, não mudou nada", afirmou Botelho.

Através deste projeto João Botelho prolonga a sua reação com grandes textos literários que adaptou ao cinema: "Conversa  Acabada" (Mário Sá Carneiro), "Tempos Difíceis" (Charles Dickens), "O Fatalista" (Denis Diderot), "A Corte do Norte", de Agustina Bessa-Luis, e "Filme do Desassosego" (Fernando Pessoa), a sua mais recente obra e que o realizador apresentou durante a mostra especial de filmes portugueses que integra o Festival Internacional de Cinema do Rio de Janeiro.

Botelho manifestou ainda a intenção de procurar um co-produtor no Brasil para o projeto de adaptação do romance de Carlos da Maia e Maria Eduarda, que é, sobretudo, um retrato da época.

"Diante da admiração por Eça de Queirós que há no Brasil, também acredito que não será difícil encontrar um coprodutor". A obra de Eça de Queirós já foi adaptada numa mini série televisiva de 44 episódios produzida pela Rede Globo e a SIC, em 2001, e reapresentada no canal Viva entre março e maio deste ano.

João Botelho está no Festival Internacional de Cinema do Rio de Janeiro que homenageia, nesta edição, o cinema português, no âmbito das celebrações do Ano de Portugal no Brasil.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema Português