Joaquim Pinto ganha Prémio Especial do Júri de Locarno
Joaquim Pinto como protagonista da sua realização "E Agora? Lembra-me"

Festival  

Joaquim Pinto ganha Prémio Especial do Júri de Locarno

"E Agora? Lembra-me", documentário de Joaquim Pinto, foi premiado por três vezes no Festival de Cinema de Locarno, uma delas, na competição internacional, com o Prémio Especial do Júri (a segunda distinção do palmarés oficial).

O filme "E Agora? Lembra-me", de Joaquim Pinto, obteve o Prémio Especial do Júri da 66ª edição do Festival de Cinema de Locarno (a segunda principal distinção do palmarés oficial do certame).

O filme do cineasta português foi ainda distinguido com o Prémio FIPRESCI (júri da crítica internacional) e o terceiro prémio do Júri Jovem.

"E Agora? Lembra-me" é um documentário autobiográfico em que Joaquim Pinto narra um ano de tratamentos experimentais contra a hepatite C, vírus com o qual vive, juntamente com o VIH, há quase duas décadas. A sua primeira exibição em Portugal ocorrerá, a 22 de Setembro, no Queer Lisboa; depois, em Outubro, competirá no DocLisboa.

A lista integral dos prémios atribuídos nas várias secções de Locarno pode ser consultada no site oficial do festival. Eis as escolhas do júri da competição internacional:

* Leopardo de Ouro - HISTORIA DE LA MEVA MORT, Albert Serra (Espanha/França)

* Prémio Especial do Júri - E AGORA? LEMBRA-ME, Joaquim Pinto (Portugal)

* Leopardo para melhor realização - Hong Sangsoo, por U RI SUNHI/ OUR SUNHI (Coreia do Sul)

* Leopardo para melhor interpretação feminina - Brie Larson, por SHORT TERM 12, de Destin Cretton (EUA)

* Leopardo para melhor interpretação masculina - Fernando Bacilio, por EL MUDO, de Daniel Vega e Diego Vega (Perú/França/México)

* Menções especiais: SHORT TERM 12, de Destin Cretton (EUA) e TABLEAU NOIR, de Yves Yersin (Suíça)

por
publicado 22:52 - 17 agosto '13

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema PortuguêsFestival