Mamã triunfa no Fantasporto
Espanhol Andrés Muschietti consagrado com uma história de terror gótico que inicialmente desenvolveu em curta-metragem.

Festival  

"Mamã" triunfa no Fantasporto

Filme de terror já em exibição nos cinemas recebe principais prémios da competição oficial.

Trailer/Cartaz/Sinopse:
 Mamã triunfa no Fantasporto
Mamã Este thriller sobrenatural conta a assombrada história de duas meninas que desapareceram num bosque, no dia em que os seus pais morreram. Anos mais tarde quando são salvas e começam uma nova vida, descobrem que algo ou alguém ainda as quer aconchegar à noite. Há cinco anos, as irmãs Victoria e Lilly desapareceram de casa sem deixar rasto. Desde esse dia, o tio Lucas (Nikolaj Coster-Waldau) e a ...
Cinemax Rádio:
Outros Áudios
Entrevista Andrés Muschietti

A mais recente produção de Guillermo del Toro, "Mamã" de Andrés Muschietti, é o grande vencedor do festival de cinema Fantasporto 2013 que "resistiu ao ambiente económico adverso" com cerca de 40 mil espetadores, anuncia a organização.

O filme "Mamã" arrebatou o Grande Prémio Fantasporto 2013, que acumulou com os prémios de melhor realização e melhor atriz para Jessica Chastain, nomeada este ano para o Oscar de melhor atriz pelo filme "00:30 Hora Negra".

Em 2009, a curta-metragem de três minutos, que deu origem a esta longa, recebeu o prémio Mélies de Prata no Fantasporto, o que faz com que Andrés Muschietti reconheça quão "significativo" é voltar ao Porto (ouvir entrevista áudio).
 
Na 23ª Semana dos Realizadores, o mais premiado dos cineastas do Fantasporto, Karen Shakhnazarov, volta a triunfar com a longa-metragem "White Tiger", dividindo os principais prémios com Kim Ki-Duk e o seu filme Pietá".

Karen Shakhanazarov, com a sua reconstituição nostálgica e original das vivências da Segunda Guerra Mundial, arrebatou com "White Tiger" os prémio especial do júri, de melhor realizador e melhor ator.

Já o sul coreano Kim Ki-duk ganhou os prémios de melhor filme e melhor atriz com o filme "Pietà".

Ainda na secção oficial de Cinema Fantástico, destaque para o prémio especial do Júri atribuído à produção galega "O Apóstolo", que conta com banda sonora de Philip Glass.

Na Secção oficial Orient Express o vencedor é o sul--coreano "The Grand Heist" de Kim Joo-Ho.

O prémio da crítica consagrou "The Seasoning House", uma história de terror baseada em factos reais e conta com a realização de Paul Hyett e com Kevin Howarth, Sean Pertwee e Rosie Day.

O cinema norueguês tem sido uma das surpresas dos últimos anos e "Thale" de Aleksandre Nordaas, inspirado numa lenda da mitologia nórdica, ganhou o prémio do público.

Em resumo, a "organização considera que o festival superou todas as expetativas, num ano de crise, mas que permitiu ter um alargado número de convidados que representaram cerca de 80 % dos filmes em competição".

No Fantas "o apoio dos espectadores foi constante e os números provisórios apontam para valores próximos dos 40.000 espetadores em sala e cerca de 70 mil se incluirmos os visitantes das manifestações paralelas", assinala o documento.

"Ao todo foram cerca de 300 convidados, dos quais 120 estrangeiros. Realizaram-se 175 sessões com quase 300 filmes oriundos de 37 países", informa ainda.

Palmarés 33ª edição do Fantasporto
COMPETIÇÃO OFICIAL

Grande prémio melhor filme (Best Film Award Fantasporto ): "Mamã", Andrès Muschietti ( Espanha/Canadá)

Prémio especial do júri (Jury’s Special Award): "O Apóstolo", Fernando Cortizo ( Espanha)

Melhor realização: Andrès Muschietti, "Mama" (Espanha/Canadá)

Melhor ator: Toby Jones, "Berberian Sound Studio" (Grã-Bratanha)

Melhor atriz: Jessica Chastain, "Mama" (Espanha/Canadá)

Melhor argumento: "Forgotten", Alex Schmidt (Alemanha)

Melhores efeitos especiais/fotografia: "Iron Sky", Timo Vuorensola ( Finlândia/Alemanha/Austrália )

Melhor curta metragem Fantasporto 2013: "Hotel", Jose Luis Aleman (Espanha)

23ª SEMANA DOS REALIZADORES - Prémio Manoel de Oliveira

Melhor filme Semana dos Realizadores: "Pietà", Kim-Ki-Duk (Coreia do Sul)

Prémio especial do júri: "White Tiger", Karen Shaknazarov (Rússia)

Melhor realizador: Karen Shaknazarov, "White Tiger" (Russia)

Melhor argumento: Boudewijn Koole e Jolein Laarman, "Kauwboy", Boudewijn Koole (Holanda)

Memlhro ator: Aleksey Vertkov:«, "White Tiger" (Rússia)

Melhor atriz: Lee Jung-Jin, "Pietà"(Coreia do Sul)

PRÉMIO ORIENT EXPRESS

Melhor filme: "The Grand Heist", Kim-Joo-Ho (Coreia do Sul)

Prémio especial: "The Weight", Jeon Kyu-Hwan (Coreia do Sul)

PRÉMIOS NÃO OFICIAIS

Prémio da crítica: "The Seasoning House", Paul Hyett (Grã-Bretanha)

Prémio do público: "Thale", Aleksandre Nordaas (Noruega)

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Festival