Manoel de Oliveira regressa a Veneza
Esq para a dir: Cintra (Camões), Dória (Teixeira de Pascoaes), Trepa (Dom Quixote), e Barroso (Camilo Castelo Branco).

Veneza 2014  

Manoel de Oliveira regressa a Veneza

"O Velho do Restelo" a mais recente curta-metragem de Manoel de Oliveira está seleccionada para a 71ª edição do Festival de Cinema Veneza.

Artigo recomendado:
Manoel de Oliveira regressa a Veneza
Cinema Português
Oliveira filma aos 105 anos Rodagem de "O velho do Restelo", o novo filme de Manoel de Oliveira, decorrerá durante quatro dias no Porto.

No ano em celebra o 106º aniversário, Manoel de Oliveira apresentará, no festival de cinema mais antigo do mundo, o seu mais recente filme que é definido, na sinopse, como "um mergulho livre e sem esperança na História tal qual como a conhecemos, como um sedimento fértil".

É um mergulho na memória de Oliveira que reúne num banco do século XXI Dom Quixote, o poeta Luís Vaz de Camões e os escritores Teixeira de Pascoaes e Camilo Castelo Branco. Juntos, levados pelos movimentos telúricos do pensamento, eles deambulam entre o passado e o presente, derrotas e glórias, vacuidade e alienação, em busca da inacessível estrela.

Os atores são Luís Miguel Cintra (Camões), Ricardo Trepa (Dom Quixote), Diogo Dória (Teixeira de Pascoaes) e Mário Barroso (Camilo Castelo Branco).

Na equipa técnica, os colaboradores de longa data de Manoel de Oliveira: Renato Berta na fotografia, Henri Maïkoff no som, Christian Marti na decoração, Adelaide Trêpa no guarda-roupa e Valérie Loiseleux na montagem.

O filme é uma produção da O Som e a Fúria em co-produção com a Distribuidora Francesa Epicentre Films (entidade que distribui os filmes de Manoel de Oliveira em França desde "Cristóvão Colombo, O Enigma").

O realizador filmou a sua mais recente curta-metragem durante a primavera deste ano. É o seu 61º filme (incuindo documentários, curtas-metragens e episódios televisivos).

Manoel de Oliveira em veneza: historial
Esta é a décima primeira vez que que o realizador marca presença no festival de festival de Veneza onde ganhou o maior prémio logo no primeiro ano em que apresentou um filme seu: "Sapato de Cetim" (Leão de Ouro de carreira em 1985).

"O Gebo e a Sombra", a última longa-metragem do realizador, e "Painéis de São Vicente de Fora", a penúltima curta, foram exibidas na seleção oficial de Veneza.

"O Velho do Restelo" será apresentado na selecção oficial, fora de competição. O Festival de cinema de Veneza decorrerá de 27 de Agosto a 6 de Setembro.


2012: O Gebo e a Sombra
2010: Painéis de São Vicente de Fora - Visão Poética (curta-metragem)
2007: Cristovão Colombo: O Enigma
2005: Espelho Mágico (Leão de Ouro de Carreira)
2003: Um Filme Falado (Prémio SIGNIS)
2001: Porto da Minha Infância (Pémio UNESCO)
2000: Palavra e Utopia (Prémio Filmcritica "Bastone Bianco")
1996: Party
1881: A Divina Comédia (Grande Prémio Especial do Júri)
1985: O Sapato de Cetim (Leão de Ouro Especial de Carreira)

por
publicado 13:23 - 24 julho '14

Recomendamos: Veja mais Artigos de Veneza 2014