Morreu Jean-Marc Vallée, realizador de O Clube de Dallas
Jean-Marc Vallée e Jake Gyllenhaal: rodagem de "Demolição"

Obituário  

Morreu Jean-Marc Vallée, realizador de "O Clube de Dallas"

Entre os títulos marcantes da trajectória de Jean-Marc Vallée, destaca-se "O Clube de Dallas", o filme que valeu Óscares a Matthew McConaughey e Jared Leto — o realizador canadiano faleceu aos 58 anos de idade.

Crítica recomendada:
Morreu Jean-Marc Vallée, realizador de O Clube de Dallas
Estreia
Revisitando memórias da luta contra a sida São memórias dos anos 80 e dos primeiros tempos em que se tentava contrariar a proliferação da sida: "O Clube de Dallas" é, acima de tudo, ...

Canadiano, nascido em Montreal, o realizador e montador Jean-Marc Vallée foi encontrado morto no dia 26 de dezembro, em sua casa, presumivelmente vitimado por um ataque cardíaco — contava 58 anos.

Vallée obteve uma nomeação para o Óscar de montagem graças ao filme, que também realizou, "O Clube de Dallas", drama centrado na deficiente circulação de medicamentos para os doentes de sida na década de 1980. Não ganhou, mas o filme obteve três estatuetas douradas: para dois actores, Matthew McConaughey (principal) e Jared Leto (secundário), e na categoria de caracterização.

Com experiência adquirida, antes do mais, na curta-metragem e, em particular, na área dos telediscos, Vallée estreou-se na realização com "Liste Noire", sobre uma rede de prostituição frequentada por figuras da cena política — foi, nas salas do Quebec, o maior sucesso de 1995.

Além de "O Clube de Dallas", entre os seus títulos mais conhecidos figuram ainda:
— "C.R.A.Z.Y." (2005), sobre os problemas familiares de um jovem homossexual nas décadas de 1960/70 (inédito no circuito comercial português). 
— "Wild / Livre" (2014), produzido e interpretado por Reese Witherspoon, centrado na caminhada solitária de uma mulher tentando superar um episódio traumático da sua existência [trailer];
— "Demolição" (2015), protagonizado por Jake Gyllenhaal, retrato de um homem do mundo das finanças marcado pela perda recente da sua mulher num acidente.


O sentido dos ambientes e, em particular, a metódica direcção dos actores ficaram também reflectidos na sofisticação de uma série e uma mini-série que Vallée dirigiu para televisão: respectivamente, "Big Little Lies" (primeira temporada), com Nicole Kidman, Reese Witherspoon e Laura Dern, e "Sharp Objects" [trailer], com Amy Adams, tendo por base o romance de Gillian Flynn.

por
publicado 19:57 - 27 dezembro '21

Recomendamos: Veja mais Artigos de Obituário