NU (1993)

DVDDVD Memória  

NU (1993)

Retratos íntimos de uma galeria de personagens à beira da desintegração social: este é um exemplo brilhante do realismo britânico segundo Mike Leigh e também das suas invulgares qualidades de director de actores.

Em 1993, Mike Leigh era já um nome reconhecido do cinema realista, mas sobretudo através de títulos filtrados por uma ironia próxima das convenções da comédia — basta lembrar os exemplos de "High Hopes" (1988) e "Life Is Sweet" (1990). Mas "Naked/Nu" veio revelar um autor mais cru e amargo: este é um retrato de Johnny (David Thewlis), um "anti-herói" que partillha com outras personagens o cinismo moral do presente.

Para além da sábia caracterização dos lugares e das relações humanas, o olhar realista constrói-se, aqui, através de um paciente trabalho com os actores — além de Thewlis, Katrin Cartlidge é também extraordinária. A esse propósito, vale a pena recordar que Thewlis e Leigh foram distinguidos no Festival de Cannes de 1993 com os prémios de melhor actor e melhor realizador; Thewlis foi também eleito actor do ano pelo círculo de críticos de Londres.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de DVDDVD Memória