Curta-metragemFestivalCinema Português  

"Noite Perpétua" no Festival Internacional de Cinema de San Sebastián

A curta-metragem realizado por Pedro Peralta e coproduzido pela Terratreme é exibida a 23 de setembro.

"Noite Perpétua", curta-metragem realizada por Pedro Peralta, estreia a 23 de setembro no Festival Internacional de San Sebastián onde terá ainda mais três exibições, a 24, 25 e 26 de setembro. O filme faz parte da secção competitiva Zabaltegi-Tabakalera do festival que se realiza entre 18 e 26 de setembro na cidade basca de San Sebastián.

Produzido pela Terratreme, com coprodução da francesa KinoElektron e distribuição internacional da Agência da Curta Metragem, "Noite Perpétua" parte de acontecimentos ocorridos no rescaldo da Guerra Civil Espanhola, no ano de 1939.

"Em 2010 um artigo do jornal Público levou-me a travar conhecimento com o branqueamento da memória da repressão Franquista em Espanha. Dos muitos relatos, um marcou-me profundamente", explica o realizador sobre o caso de Aurora Navas uma cidadã espanhola de 31 anos, assassinada por falangistas cujo corpo nunca apareceu.

Esta é a segunda curta-metragem de Pedro Peralta, que em 2016 realizou "Ascensão", obra que teve estreia internacional na Semana da Crítica do Festival de Cannes no mesmo ano e esteve presente em cerca de 70 festivais por todo o mundo, tendo recebido inúmeros prémios, como Prémio Árvore da Vida para Filme Português no IndieLisboa, Melhor Curta Metragem e Prémio do Júri no Kyiv International Film Festival «Molodist», Prémio Des Enfants de La Licorne no Festival International du Film d'Amiens, entre outros.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Curta-metragemFestivalCinema Português