Produtores distinguem O Artista
Thomas Langmann (à esquerda) e Antoine de Cazotte, produtores de "O Artista" (Reuters)

Oscars 2012  

Produtores distinguem "O Artista"

Produção sobre o cinema mudo e os primórdios do sonoro continua a somar prémios.

Trailer/Cartaz/Sinopse:
 Produtores distinguem O Artista
O Artista 1927, Hollywood. Na era do cinema mudo, tudo corre de feição ao ator George Valentin (Jean Dujardin). Mas o cinema sonoro vem alterar a sua condição de vedeta, votando-o ao esquecimento. Chega então a época de Peppy Miller (Bérénice Bejo) ser catapultada para o estrelato.

A longa-metragem francesa "O Artista" confirma o seu favoritismo para os Oscars. O filme foi considerado o melhor do ano pelo Sindicato dos Produtores Norte-Americanos, Producers Guild of America.

Thomas Langmann, o produtor do artista, mostrou surpresa de forma elegante no discursod e aceitação do prémio ao afirmar: "Nós escrevemos uma carta de amor ao cinema americano. Nós nunca sonhamos que iriamos começar a saborear o sonho americano ".

Nos anos anteriores as escolhas do sindicato dos produtores coincidiram com o Oscar de melhor filme: "O Discurso do Rei’ (no ano passado), "Estado de Guerra "(2010), "Quem Quer ser Bilionário?" (2009) e ‘Este Páis Não é Para Velhos" (2008).

A PGA é o primeiro sindicato a revelar a sua escolha. Seguem-se os Sindicatods dos Realizadores e dos Atores já no próximo fim-de-semana.

Prémios PGA (cinema):

"O Artista"
Produtor: Thomas Langmann

Filme de Animação:
"As Aventuras de Tintin: O Segredo do Licorne"
Produtores: Peter Jackson, Kathleen Kennedy, Steven Spielberg

Documentário:
"Beats, Rhumes & Life: The Travels of a Tribe Called Quest"
Produtores: Michael Rapaport, Edward Parks

por
publicado 18:02 - 23 janeiro '12

Recomendamos: Veja mais Artigos de Oscars 2012