Estreias  

Quando o cinema se alia ao jornalismo

O filme "Colectiv" consegue a proeza invulgar de documentar, por dentro, uma investigação jornalística sobre um caso de corrupção na sociedade romena — um trabalho exemplar que esteve na corrida dos Óscares.

Quando o cinema se alia ao jornalismo
O filme de Alexander Nanau segue, a par e passo, a investigação do "caso Colectiv"
Crítica de
Subscrição das suas críticas
145

O filme "Colectiv - Um Caso de Corrupção"  tem como tema um escândalo da sociedade romena que, em boa verdade, teve repercussões internacionais. Assim, em 2015, um incêndio causou a morte de 27 pessoas no clube nocturno Colectiv, em Bucareste; nos meses seguintes, entre os feridos hospitalizados, morreram mais 37 pessoas, muitas delas com ferimentos ligeiros...

... uma investigação jornalística veio mostrar que essas mortes resultavam de más condições de higiene nos hospitais e, mais do que isso, de um sistema de corrupção nos circuitos de fornecedores de materiais de desinfecção — a falsificação de tais produtos criava condições propícias ao agravamento de infecções, acabando por vitimar pacientes que, em condições normais, teriam uma recuperação segura.


Assim resumidos os factos abordados em "Colectiv", dir-se-ia que estamos perante um balanço documental, mais ou menos devedor de uma lógica corrente da informação televisiva. Mas não: a equipa dirigida por Alexander Nanau trabalhou em íntima ligação com os jornalistas que investigaram o caso, de tal modo que sentimos que as suas descobertas se confundem com o efeito de revelação do próprio trabalho cinematográfico.

O impacto de "Colectiv" suscitou diversas comparações com ficções, sobre investigações jornalísticas verídicas, como "Os Homens do Presidente" (1976), de Alan J. Pakula, ou "O Caso Spotlight" (2015), de Tom McCarthy. São paralelismos justificados, embora seja fundamental destacar esse verdadeiro on the road em busca da verdade que aqui se acompanha e testemunha. Sem esquecer a proeza que o filme de Alexander Nanau conseguiu: duas nomeações para os Óscares, nas categorias de melhor dcoumentário e melhor filme internacional.

Crítica de João Lopes
publicado 00:48 - 25 junho '21

Recomendamos: Veja mais Críticas de João Lopes