Second Life, a realidade paralela do cinema português

Cinema PortuguêsMais Cinema  

"Second Life", a realidade paralela do cinema português

"Second Life" é, nas palavras do produtor Alexandre Valente, uma homenagem ao cinema. Na opinião do crítico João Lopes é uma oportunidade perdida de gerar um debate produtivo sobre a produção sólida do cinema português.

O produtor Alexandre Valente não esconde a ambição de ser inovador e arrebatar o público, mas admite está a tentar equilibrar uma história que possa vender nas bilheteiras com sentimentos mais profundos.

Esta relação de forças, na maior parte das vezes difícil, chamou a atenção de Piotr Adamczyk, actor polaco que teve oportunidade de ser João Paulo II. Ele é Nicolas, a figura central do enredo, o homem que e aparece morto na piscina da casa onde está com os amigos no dia em que faz 40 anos. É o ponto de partida para a reflexão sobre uma segunda vida. Nick é um produtor de cinema, rodeado dos amigos, casado com uma editora de revistas cor de rosa, interpretada por Lúcia Moniz. Mas podia ter sido um aventureiro que deixa tudo em Portugal por duas paixões, o vinho e Cláudia Vieira no papel de uma super modelo italiana.

Alexandre Valente há muito que deixou de ser apenas o produtor inquieto com os orçamentos e decisivo na montagem dos projectos. É também o autor da história e na rodagem escolhe desde o cenário à posição da câmara, é decidido e interventivo. Todo o processo do filme, logístico e criativo, passa pelas decisões que toma.

Depois de ter conquistado as bilheteiras com "O Crime do Padre Amaro" e de ter estado no centro da polémica com o filme "Corrupção", que João Botelho não quis assinar, volta com "Second Life".

Ouça a antevisão de Lara Marques Pereira

O filme está recheado de estrelas nacionais como Liliana Santos, Pedro Lima, Paulo Pires, ou Fátima Lopes e José Carlos Malato. A provocação domina nas cenas, mas também na estrutura da história, por exemplo, ao desafiar Figo para fazer o papel de um realizador de cinema, protagonista de uma cena escaldante, assediado por uma candidata a actriz.

Mas esta estratégia de promoção, centrada no arrojo de algumas cenas faz mal ao lançamento do próprio filme. "Second Life" tem valores de produção sólidos e podia afirmar-se como uma via de competência.



SECOND LIFE De: Miguel Gaudêncio e Alexandre Valente com Lúcia Moniz, Piotr Adamczyk, Luís Figo; Drama; 82m ; M/16; POR,2008

Ouça a crítica de João Lopes

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema PortuguêsMais Cinema