Sem Limites em número um
Robert DeNiro e Bradley Cooper em "Sem Limites"

Box OfficeBox Office fim-de-semana  

"Sem Limites" em número um

Box Office do fim-de-semana nos EUA > (18 a 20 de Março, 2011) - Estimativas

Artigo recomendado:
Sem Limites em número um
Box Office
Descontos? Nem Pensar A venda de bilhetes em grupo para "The Lincoln Lawyer" falhou, mas a experiência pode lançar outra polémica entre estúdios e salas de ...

Vamos resistir ao trocadilho óbvio entre o título do filme que lidera e a série de resultados medíocres que têm caracterizado o box office norte-americano no primeiro trimestre de 2011.

"Sem Limites" é a terceira estreia do ano para a Relativity Media, empresa que só em 2010 começou a distribuir alguns dos filmes que financia.

O thriller de acção com Bradley Cooper (de "A Ressaca" e da série de televisão "Alias"), Abbie Cornish e Robert DeNiro somou 19 milhões de dólares entre sexta e domingo. Foi uma abertura em lume brando, mas considerando o custo anunciado de 27 milhões não constitui caso para preocupação. Tornou-se mesmo na melhor estreia para um filme distribuido directamente pela Relativity.

"Rango" caiu dentro do aceitável, uns 32% que permitem à animação de Gore Verbinski manter o embalo e a vice-liderança no início da terceira semana nas salas.

Com uma quebra mais acentuada "Invasão Mundial: Batalha Los Angeles" perdeu a liderança, desceu a terceiro e tornou-se mais dependente de uma boa carreira internacional.

Quanto à experiência exótica do fim-de-semana - a venda de bilhetes com desconto através da Grupon... Bom, "The Lincoln Laywer" não passou do quinto lugar. Nunca é bom sinal quando se oferecem descontos para um filme novinho em folha.

O cast assemelha-se a uma lista de actores a precisar de um valente empurrão na carreira. Matthew McConaughey, Ryan Phillipe e Marisa Tomei protagonizam um drama criminal acerca de um advogado que montou escritório num velho Lincoln. McConaughey é Mickey Haller, o advogado que aceita defender um rico playboy acusado de espancar uma prostituta.

Mesmo com críticas positivas e uns anunciados 6 milhões de dólares via Grupon, a segunda longa-metragem do desconhecido Brad Furman ficou longe de um resultado animador. O custo anunciado ronda os 40 milhões e o filme foi classificado com o R de Restricted - equivalente a dizer que só pode ser visto por adultos o que reduz automaticamente o público potencial. Algo nos diz que o caminho até ao lucro vai ser longo e doloroso.

A outra estreia alargada do fim-de-semana sofre do mesmo problema. "Paul", comédia de ficção-científica com um toque britânco e muitas piadas porcas foi quinto, com uma diferença mínima para o filme que o antecede. Aqui não houve vendas em grupo, apenas a dupla Nick Frost e Simon Pegg associada a Seth Rogen que dá a voz ao extraterrestre Paul.

Custa estar sempre a tocar no assunto mas... "Mães Precisam-se... Em Marte", o tal que custou 150 milhões,  não teve grandes melhoras.

A Disney exerceu certamente toda a influência para manter o filme nos cinemas pois o número de ecrãs foi igual ao do fim-de-semana anterior. Mesmo assim, é mais do que garantido que os exibidores estão à beira de um ataque de nervos, ansiosos por se livrarem da dispendiosa produção do senhor Zemeckis.

O filme quebrou apenas 23%. Em condições normais seria uma boa notícia, mas a base de partida era tão reduzida que mesmo esta pequena descida foi suficiente para empurrar "Mães Precisam-se... Em Marte" para a oitava posição, a caminho do esquecimento.

Pos Título Distribuidor Receita do fim-de-semana ($) Variação (%) # de Cópias Média por cópia ($) Receita Acumulada ($) Semana
1 - Sem Limite
Relativity Media
19.000.000 - 2.756 6.894 19.000.000 1
2 2 Rango Paramount 15.315.000 -32,2% 3.843 3.985 92.577.000 3
3 1 Invasão Mundial: Batalha Los Angeles
Sony Pictures
14.600.000 -59,0% 3.417 4.273 60.602.000 2
4 - The Lincoln Lawyer Lionsgate 13.400.000 - 2.707 4.950 13.400.000 1
5 - Paul Universal 13.155.390 - 2.802 4.695 13.155.390 1

por
publicado 21:53 - 20 março '11

Recomendamos: Veja mais Artigos de Box OfficeBox Office fim-de-semana