Sexo, um negócio decadente e turístico
Teresa, interpretada por Margarethe Tiesel, uma cinquentona austríaca, divorciada, em férias sexuais no Quénia.

Cannes 2012  

Sexo, um negócio decadente e turístico

O austríaco Ulrich Seidl propõe um olhar corajoso e grotesco sobre o tema do turismo sexual.

Trailer/Cartaz/Sinopse:
 Sexo, um negócio decadente e turístico
Paradise: Love Teresa, uma austríaca de 50 anos parte de férias para um paraíso exótico do Quénia. Ela procura o amor, mas vai mudando de "beachboy", indo de uma decepção em decepção, e acabando por concluir que nas praias do Quénia, o amor é um produto que vende. "Paradise: Love" aborda, com humor, temas como o turismo sexual, as mulheres e o envelhecimento, o valor de mercado da sexualidade, o poder ...
Média Cinemax:
1.333

A segunda presenca na competicão do festival de Cannes do realizador Ulrich Seidl, cinco anos após "Import Export", provocou algum desconforto e controvérsia pela abordagem do tema do turismo sexual.

A atriz Margarethe Tiesel interpreta Teresa, uma mulher austríaca, divorciada que viaja para o Quénia ao encontro de uma amiga que está mostra imenso prazer em pagar para ter relações sexuais com africanos. Teresa chega com a ilusão de que pode viver um romance genuíno, mas os sucessivos relacionamentos que vai mantendo implicam sempre uma transação financeira e um serviço sexual.

Seidl acentua as diferenças culturais entre europeus e africanos, encenando alguns diálogos de teor racista. A sua experiência na área documental permite-lhe abordar o tema de uma forma formalmente rigorosa, encenando demoradamente algumas cenas com intensidade sexual e dirigindo atores africanos sem experiência que contracenam com atrizes profissionais austríacas.

O olhar é cruel e chega a ser obsceno. "Paradise: Love" exibe de forma exaustiva o vazio emocional e a decadência física destas mulheres austríacas, acentuando a sordidez deste tipo de turismo.

O filme tem uma abordagem corajosa, levando a sua proposta até ao fim, mas não acrescenta nada de verdadeiramente novo à expectativa que se têm sobre o tema. No entanto poderá ganhar mais sentido no contexto da trilogia da felicidade em cenário de férias. Ulrich Seidl rodará "Paraise: Faith", sobre o turismo religioso e humanitário, e "Paradise: Hope", dedicado ao tema dos acampamentos para adolescentes obsesos.
 

por
publicado 19:21 - 19 maio '12

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cannes 2012