Tabu ganha prémio da crítica em Berlim
O ator brasileiro Ivo Mueller com as atrizes Teresa Madruga, Ana Moreira e o realizador Miguel Gomes.

Cinema Português  

"Tabu" ganha prémio da crítica em Berlim

Filme de Miguel Gomes confirma boa recepção na Berlinale.

A longa-metragem Tabu, do realizador português Miguel Gomes, venceu o prémio da crítica do festival de cinema de Berlim, afirmou hoje à agência Lusa o produtor Luís Urbano.

O filme, que integra a competição oficial do festival, foi considerado o melhor pelos críticos no festival, recebendo o prémio FIPESCI, referiu o produtor.

"Tabu", a saga a preto e branco sobre um amor louco passado em África, foi apresentado em ante-estreia mundial na terça-feira em Berlim. Para Luís Urbano, este prémio da crítica não significa vantagem a caminho do Urso de Ouro, o prémio máximo: "É um sinal, mas com os júris nunca se sabe".

"Tabu", que deverá ter estreia em Portugal em Abril, conta no elenco com Ana Moreira, Carlotto Cota, Teresa Madruga, entre outros.

Em 'Tabu', Miguel Gomes relata a história, em duas partes bem distintas.

A primeira parte do filme, intitulada "Paraíso Perdido", relata uma vida banal de três personagens, Aurora (Laura Soveral), a sua empregada africana, Santa, e uma vizinha empenhada em causas sociais, Pilar (Teresa Madruga), e termina com a morte de Aurora.

Na segunda parte, que dá pelo nome de "Paraíso", vemos então a jovem Aurora (Ana Moreira), filha de um colono português em África, dona de uma fazenda, casada, mas que trai o marido com um amigo, para tudo acabar em tragédia.

O filme é inteiramente a preto e branco e, na segunda parte, os atores não falam, ouvindo-se apenas o narrador e a banda sonora, em jeito de homenagem de Miguel Gomes ao cinema mudo, principalmente a um dos seus grandes mestres, o alemão Friedrich Wilhelm Murnau.

No festival de Berlim, que termina no domingo, compete também, na secção de curtas-metragens, o filme "Rafa", de João Salaviza.

O palmarés oficial será anunciado no sábado.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema Português