Tenet tem estreia animadora nos EUA e na China

Box Office fim-de-semanaBox Office  

"Tenet" tem estreia animadora nos EUA e na China

Nos primeiros 11 dias, o filme de Christopher Nolan soma quase 150 milhões de dólares em receita de bilheteira em todo o mundo.

"Tenet" estreou nos Estados Unidos no passado fim de semana, após semanas de hesitações e adiamentos relacionados com a epidemia de Covid-19.

Em conjunto com os valores do Canadá, que estreou uma semana antes, o filme de Christopher Nolan alcançou 20,2 milhões de dólares em receita bruta de bilheteira, beneficiando do feriado do Labour Day.

A distribuição de "Tenet" foi obviamente afetada pelo facto de não poder contar com as salas de zonas-chave como Los Angeles, São Francisco, ou Nova Iorque, onde as autoridades ainda não permitiram a reabertura.

Fora da América do Norte, o filme chegou a outros seis países fazendo subir o total de mercados para 40, onde as sessões renderam $78,3M. A China, como se esperava, passou a ser o segundo maior mercado para "Tenet" com receita de 30 milhões de dólares, um resultado animador e dentro do esperado, sem ser brilhante. Teve de se contentar com o segundo lugar da tabela de mais vistos, meros 3 milhões atrás da produção local "Os Oitocentos", um enorme sucesso de bilheteira na potência asiática desde o reinício da atividade.

Na Rússia, os números foram mais modestos (perto de 2,5 milhões de dólares, valores estimados) apesar da reação positiva de elementos do setor da exibição, felizes por terem finalmente um filme a chamar público aos ecrãs.

Tudo somado, coloca a receita de "Tenet" nos 146,2 milhões de dólares em 11 dias.

Sem outros grandes lançamentos previstos até à chegada de "Wonder Woman 1984", a 1 de outubro, o filme tem espaço para aumentar o seu pecúlio e criar ânimo para que os restantes estúdios apostem novamente no grande ecrã.


por
publicado 16:29 - 08 setembro '20

Recomendamos: Veja mais Artigos de Box Office fim-de-semanaBox Office