Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo lidera nomeações para os Óscares

 

"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo" lidera nomeações para os Óscares

A Netflix consegue presença em nove categorias com o filme alemão "A Oeste Nada de Novo" e Portugal estreia-se com "Ice Merchants".

Riz Ahmed e Allison Williams anunciaram hoje, em directo do Samuel Goldwyn Theatre, em Beverly Hills, as nomeações para os 95.º Óscares.

"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", a fantasia multidimensional de Daniel Kwan e Daniel Scheinert encabeçam a lista com 11 nomeações, incluindo as categorias de melhor filme e melhor realização, argumento original, e quatro presenças nas categorias de representação.

O filme alemão "A Oeste Nada de Novo", realizado por Edward Berger tornou-se o oitavo filme em língua não inglesa a ser nomeado para melhor filme internacional e melhor filme, no mesmo ano. Foi o segundo mais nomeado com nove finalistas, empatado com "Os Espíritos de Inisherin", de Martin McDonagh.

"Elvis" teve oito nomeações e "Os Fabelmns" sete, incluindo a nona presença de Steven Spielberg entre os candidatos a melhor realização. Partilha com Martin Scorsese o recorde de mais nomeações nesta categoria para cineastas ainda vivos. Em termos absolutos, só William Wyler, com 12 nomeações, tem mais.

Portugal conseguiu a primeira nomeação de sempre com o filme "Ice Merchants", de João Gonzalez, na categoria de melhor curta-metragem de animação.


Nomeações para a 95.ª edição dos Óscares

Melhor filme

"A Oeste Nada de Novo"
"Avatar: O Caminho da Água"
"Os Espíritos de Inisherin"
"Elvis"
"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo"
"Os Fabelmans"
"Tár"
"Top Gun: Maverick"
"O Triângulo da Tristeza"
"A Voz das Mulheres"

Melhor realização

"Os Espíritos de Inisherin", Martin McDonagh
"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", Daniel Kwan and Daniel Scheinert
"Os Fabelmans", Steven Spielberg
"Tár", Todd Field
"O Triângulo da Tristeza", Ruben Östlund

Melhor ator

Austin Butler, "Elvis"
Colin Farrell, "Os Espíritos de Inisherin"
Brendan Fraser, "A Baleia"
Paul Mescal, "Aftersun"
Bill Nighy, "Living"

Melhor atriz

Cate Blanchett, "Tár"
Ana de Armas, "Blonde"
Andrea Riseborough, "To Leslie"
Michelle Williams, "Os Fabelmans"
Michelle Yeoh, "Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo"

Melhor ator secundário

Brendan Gleeson, "Os Espíritos de Inisherin"
Brian Tyree Henry, "Causeway"
Judd Hirsch, "Os Fabelmans"
Barry Keoghan, "Os Espíritos de Inisherin"
Ke Huy Quan, "Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo"

Melhor atriz secundária


Angela Bassett, "Black Panther: Wakanda Para Sempre"
Hong Chau, "A Baleia"
Kerry Condon, "Os Espíritos de Inisherin"
Jamie Lee Curtis, "Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo"
Stephanie Hsu, "Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo"

Melhor argumento adaptado

"A Oeste Nada de Novo", Edward Berger, Lesley Paterson e Ian Stokell
"Glass Onion: Um Mistério Knives Out", Rian Johnson
"Living", Kazuo Ishiguro
"Top Gun: Maverick", Ehren Kruger e Eric Warren Singer e Christopher McQuarrie
"A Voz das Mulheres", Sarah Polley

Melhor argumento original

"Os Espíritos de Inisherin", Martin McDonagh
"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", Daniel Kwan e Daniel Scheinert
"Os Fabelmans", Steven Spielberg e Tony Kushner
"Tár", Todd Field
"O Triângulo da Tristeza", Ruben Östlund

Melhor direção de fotografia

"A Oeste Nada de Novo", James Friend
"Bardo", Darius Khondji
"Elvis", Mandy Walker
"Império da Luz", Roger Deakins
"Tár", Florian Hoffmeister

Melhor filme internacional

"A Oeste Nada de Novo" (Alemanha)
"Argentina, 1985" (Argentina)
"Close" (Bélgica)
"EO" (Polónia)
"The Quiet Girl" (Irlanda)

Melhor documentário

"All That Breathes"
"Toda a Beleza e Carnificina"
"Fire of Love"
"A House Made of Splinters"
"Navalny"

Melhor documentário de curta-metragem

"The Elephant Whisperers"
"Haulout"
"How Do You Measure a Year?"
"The Martha Mitchell Effect"
"Stranger at the Gate"

Melhor curta-metragem

"An Irish Goodbye"
"Ivalu"
"Le Pupille"
"Night Ride"
"The Red Suitcase"

Melhor curta-metragem de animação

"The Boy, the Mole, the Fox and the Horse"
"The Flying Sailor"
"Ice Merchants"
"My Year of Dicks"
"An Ostrich Told Me the World Is Fake and I Think I Believe It"

Melhor filme de animação

"Pinóquio de Guillermo del Toro"
"Marcel the Shell with Shoes On"
"O Gato das Botas: O Último Desejo"
"O Monstro Marinho"
"Turning Red"

Melhor montagem

"Os Espíritos de Inisherin", Mikkel E.G. Nielsen
"Elvis", Matt Villa e Jonathan Redmond
"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", Paul Rogers
"Tár", Monika Willi
"Top Gun: Maverick", Eddie Hamilton

Melhor Cenografia


"A Oeste Nada de Novo", Christian M. Goldbeck e Ernestine Hipper
"Avatar: O Caminho da Água", Dylan Cole e Ben Procter, Vanessa Cole
"Babylon", Florencia Martin e Anthony Carlino
"Elvis", Catherine Martin e Karen Murphy, Bev Dunn
"Os Fabelmans", Rick Carter e Karen O'Hara

Melhor maquilhagem e cabelo

"A Oeste Nada de Novo", Heike Merker e Linda Eisenhamerová
"The Batman", Naomi Donne, Mike Marino e Mike Fontaine
"Black Panther: Wakanda Para Sempre", Camille Friend e Joel Harlow
"Elvis", Mark Coulier, Jason Baird e Aldo Signoretti
"A Baleia", Adrien Morot, Judy Chin e Anne Marie Bradley

Melhor guarda-roupa

"Babylon", Mary Zophres
"Black Panther: Wakanda Para Sempre", Ruth Carter
"Elvis", Catherine Martin
"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", Shirley Kurata
"Um Sonho em Paris", Jenny Beavan

Melhor banda sonora original

"A Oeste Nada de Novo", Volker Bertelmann
"Babylon", Justin Hurwitz
"Os Espíritos de Inisherin", Carter Burwell
"Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", Son Lux
"Os Fabelmans", John Williams

Melhor canção

"Applause" de "Tell It like a Woman", música e letra de Diane Warren
"Hold My Hand" de "Top Gun: Maverick", música e letra de Lady Gaga e BloodPop
"Lift Me Up" de "Black Panther: Wakanda Para Sempre", música de Tems, Rihanna, Ryan Coogler e Ludwig Goransson, letra de Tems e Ryan Coogler
"Naatu Naatu" de "RRR", música de M.M. Keeravaan, letra de Chandrabose
"This Is A Life" de "Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo", música de Ryan Lott, David Byrne e Mitski, letra de Ryan Lott e David Byrne

Melhor som


"A Oeste Nada de Novo", Viktor Prášil, Frank Kruse, Markus Stemler, Lars Ginzel e Stefan Korte
"Avatar: O Caminho da Água", Julian Howarth, Gwendolyn Yates Whittle, Dick Bernstein, Christopher Boyes, Gary Summers e
Michael Hedges
"The Batman", Stuart Wilson, William Files, Douglas Murray e Andy Nelson
"Elvis" David Lee, Wayne Pashley, Andy Nelson e Michael Keller
"Top Gun: Maverick", Mark Weingarten, James H. Mather, Al Nelson, Chris Burdon e Mark Taylor

Melhores efeitos visuais


"A Oeste Nada de Novo", Frank Petzold, Viktor Müller, Markus Frank e Kamil Jafar
"Avatar: O Caminho da Água", Joe Letteri, Richard Baneham, Eric Saindon e Daniel Barrett
"The Batman", Dan Lemmon, Russell Earl, Anders Langlands e Dominic Tuohy
"Black Panther: Wakanda Para Sempre", Geoffrey Baumann, Craig Hammack, R. Christopher White e Dan Sudick
"Top Gun: Maverick", Ryan Tudhope, Seth Hill, Bryan Litson e Scott R. Fisher

Curiosidades

Andy Nelson tem um recorde de 24 nomeações nas categorias de som combinadas.

O maestro e compositor John Williams continua a acrescentar ao seu número recorde de nomeações com a 48.ª nomeação para melhor banda sonora de um total de 53 (incluindo cinco para canção original), o máximo para qualquer pessoa viva, e segundo maior em termos absolutos. Apenas Walt Disney foi nomeado mais vezes, um total de 59. Aos 90 anos, Williams é, também, a pessoa mais velha a ser nomeada para um Oscar. Agnès Varda e James Ivory tinham cada um 89 anos quando foram nomeados em 2017.

Aos 87 anos, Judd Hirsch torna-se o segundo ator mais velho nomeado até à data. Christopher Plummer detém o recorde aos 88
anos). Surge 42 anos após a sua primeira nomeação por "Ordinary People" em 1980, ultrapassando o longo recorde de 41 anos entre nomeações estabelecido por Henry Fonda.

A cerimónia de entrega da 95.ª edição dos Óscares terá lugar a as de março, no Dolby Theatre em Hollywood, com Jimmy Kimmel como anfitrião.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de