Vampiros românticos
Kristen Stewart e Robert Pattinson (ao centro): vampiros modernos, mas com laços com a tradição romântica

Mais CinemaMais CinemaCinema Norte-americano  

Vampiros românticos

Uma boa surpresa da temporada natalícia: uma história de vampiros de singular sensualidade

E se, de repente, um filme nos fizesse acreditar que é possível fazer ficções enraizadas no imaginário adolescente dos nossos dias sem uma centena de efeitos especiais por segundo e, para mais, com personagens consistentes e até tocantes?

E se esse filme for uma história de... vampiros?

Mais ainda: será que esse filme poderá reavivar as memórias do romantismo mais primitivo, sensual e contemplativo?

A resposta está aí: chama-se "Crepúsculo", adapta o "best-seller" internacional de Stephenie Meyer e é uma das boas surpresas desta temporada de fim de ano. A provar que a realizadora Catherine Hardwicke ("13", "Lords of Dogtown") possui, de facto, um olhar original, capaz de ir buscar inspiração e energias à mais remota tradição (melo)dramática do cinema de Hollywood.

CREPÚSCULO - TWILIGHT; De Catherine Hardwicke; com Kristen Stewart, Robert Pattinson, Taylor Lautner; Fantástico, Romance; 123m; M/16; EUA; 2008

por
publicado 17:45 - 29 janeiro '09

Recomendamos: Veja mais Artigos de Mais CinemaMais CinemaCinema Norte-americano