Veneza, dia 9: a surpresa filipina
Brillante Mendoza, 49 anos, rosto emergente do novo cinema filipino

Cinema AsiáticoDramaVeneza 2009MelodramaMais Cinema  

Veneza, dia 9: a surpresa filipina

Veneza revela o 25º candidato ao leão de ouro. É o novo filme de Brillante Mendoza

"Lola" entra na selecção oficial como filme surpresa e o facto causa algum espanto. Brillante Mendoza, o novo rosto do cinema filipino, foi revelado em Cannes com dois filmes que foram apresentados em anos consecutivos: "Serbis" (2008) e "Kinatay", o mais recente, que foi visto em Maio passado.

Esta terceira longa-metragem a alcançar projecção internacional num festival europeu segue a história de duas idosas envolvidas num processo judicial em consequência de um crime envolvendo os seus netos - um é a vítima mortal e o outro o assassino.

Ambas são pobres e enfrentam dificuldades suplemantares que decorrem das despesas do funeral e do julgamento. "Lola" é um filme sobre a justiça e as injustiças sociais, o envelhecimento e a capacidade para superar dificuldades.

Tal como os filmes anteriores de Mendoza, acontece nas ruas de Manila, com a câmara perseguindo de forma muito espontânea as suas personagens no tecido urbano degradado e caótico da capital. 

É o seu filme mais consistente e com duas personagens notáveis: estas avós transformam um filme realista num autêntico melodrama.

por
publicado 10:50 - 11 setembro '09

Recomendamos: Veja mais Artigos de Cinema AsiáticoDramaVeneza 2009MelodramaMais Cinema