Cultura

`As mobilidades no espaço e no tempo` em debate no Funchal

A diretora da Cultura da Madeira afirmou hoje, no início do colóquio “As mobilidades no espaço e no tempo", que decorre no Funchal, que para entender a história da região “é preciso compreender o fenómeno da migração”.

`As mobilidades no espaço e no tempo` em debate no Funchal
Este encontro decorre até sexta-feira no Centro de Estudos de História do Atlântico (CEHA) Alberto Vieira, no Funchal, tendo Teresa Brazão considerado que esta é uma forma de também “homenagear o historiador e mentor do projeto”, recentemente falecido, e dar continuidade aos trabalhos de pesquisa e estudos que encetou.

Também Cláudia Faria, do CEHA, salientou o trabalho desenvolvido por Alberto Vieira, que dedicou “a sua vida à história insular e ao centro".

Por seu turno, a antropóloga Cristiana Bastos, coorganizadora do encontro, realçou o “trabalho académico do Centro de Estudos”, que considerou “um exemplo a nível nacional pelo seu papel de ‘âncora’ entre o conhecimento e a comunidade”.