Cultura

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios assinalado na Região

O Governo Regional, através da Secretaria Regional do Turismo e Cultura celebra, amanhã, dia 18 de abril, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, este ano sob o tema “Património Cultural: de Geração em Geração”, com ações que ganham particular relevância na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Machico.

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios assinalado na Região

© Governo Regional da Madeira

Assinalando a conclusão das obras de recuperação das abóbadas das capelas do Espírito Santo e de São João Baptista, da referida Igreja Matriz, a cerimónia de amanhã visa sensibilizar a população para a vulnerabilidade do património cultural e para o esforço que está associado à sua proteção e maior valorização, numa alusão direta à temática escolhida para este ano, que chama a atenção, precisamente, para a importância da salvaguarda do Património cultural, de geração em geração.

As celebrações têm início previsto para as 21h00, com a Apresentação do Guia Bilingue da Igreja Matriz de Machico, da autoria de Rita Rodrigues, material informativo e promocional que se destina tanto à população residente quanto aos turistas. Segue-se uma visita guiada à Igreja, a cargo de Francisco Clode de Sousa e Rita Rodrigues, da Direção de Serviços de Museus e Património Cultural da DRC. Pelas 21h30 terá lugar o Concerto comemorativo.

Paralelamente e ao longo do dia de amanhã, os vários Museus tutelados pelo Governo Regional associam-se a estas celebrações com entradas gratuitas e apresentam diversas propostas para assinalar a data.

O Museu Quinta das Cruzes irá funcionar, ininterruptamente, entre as 10h00 e as 17h30. Neste Museu, pelas 10h00, será lançado o projeto “Memórias da Quinta” à comunidade – projeto que visa recolher histórias de vivências e memórias deste lugar, junto da comunidade local, regional, nacional e internacional – estando previstas Visitas Guiadas das 11h00 às 12h00 e das 15h00 às 16h00, destinadas ao público em geral e, ainda, entre as 11h30 e as 12h30, uma atividade pedagógica intitulada “Memórias de um Lugar | Uma casa…uma quinta…um Museu”, direcionada ao público infantojuvenil e sénior.

Já o Museu Etnográfico da Madeira apresenta a atividade “MEMÓRIAS PARA A POSTERIDADE”, um encontro Intergerações, numa visita ao museu, ação que terá lugar entre as 10.00 e as 12.00 horas.

No que toca ao Porto Santo, a Casa Colombo e o Núcleo Jorge Brum do Canto promovem, em conjunto com as Escolas e em colaboração com a Universidade Sénior do Porto Santo – a atividade “Memórias de outrora”, que serão recordadas pelos alunos da Universidade. Aos alunos das escolas secundárias será pedido que escrevam uma carta, a qual será guardada num baú, para posterior abertura em data a definir.