Desporto

Ausência de apoio aumenta inquietação

A ausência de apoios ao desporto no Plano de Recuperação e Resistência aumenta a inquietação entre os atletas, considerou hoje, em comunicado, a Comissão de Atletas Olímpicos (CAO).

Ausência de apoio aumenta inquietação
"Os atletas Olímpicos têm vindo a manifestar a sua preocupação, não só pela ausência de competições, mas também pela degradação das bases do desporto. O facto de este continuar a não ser contemplado na estratégia de combate aos efeitos da pandemia, de que o Plano de Recuperação e Resiliência é o último exemplo, só terá contribuído para o adensar desta inquietação", lê-se.

A CAO lembra que, "desde o primeiro momento, tentou salvaguardar as condições mínimas para que os atletas pudessem continuar a sua preparação com vista à participação nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020", mantendo "os atletas integrados no Projeto Olímpico sempre informados de todas as medidas que lhes diziam respeito diretamente".

"É amplamente reconhecida a importância que o desporto e a promoção da prática da atividade física regular, verdadeiro cuidado de saúde primário, assume numa sociedade, estando inclusive apresentados ambiciosos objetivos neste capítulo no Orçamento de Estado 2021 do Programa de Governo", assume o organismo.

A CAO, liderada pelo ex-velejador João Rodrigues, apela, por fim, "a que sejam encontradas medidas e soluções específicas que visem valorizar o desporto e garantir a sobrevivência deste setor".