Desporto

Nacional vence Vilafranquense e mantém-se no topo da II Liga (Vídeo)

5-1 foi o resultado da partida.

© DR

O Nacional cimentou hoje a liderança na II Liga e um lugar de acesso ao primeiro escalão, num encontro em que o nevoeiro ameaçou e levou a uma pequena paragem de três minutos na segunda parte.

O conjunto madeirense entrou forte, pressionado o portador da bola, mas foi o Vilafranquense a dispor da primeira oportunidade, logo aos dois minutos, com Kikas a proporcionar defesa segura a Daniel Guimarães após uma iniciativa de Wilson.

Mas essa maior pressão teve os seus frutos aos nove minutos, com Brayan Riascos a finalizar um centro de Kalindi. Quatro minutos volvidos, o conjunto madeirense dilatou a vantagem, com Brayan Riascos a assistir o estreante João Vigário, que finalizou com classe.

O jogo estava aberto e, aos 21 minutos, João Camacho esteve perto de dilatar a vantagem, mas não ultrapassou a oposição de Rodrigo Josviaki.

Aos 35 minutos, o Vilafranquense reduziu por João Vieira, que aproveitou um ressalto na área para rematar fora do alcance de Daniel Guimarães.

Contudo, ainda antes do intervalo o colombiano Brayan Riascos voltou a marcar, colocando novamente a vantagem nos dois golos com que se chegou ao intervalo.

No início da segunda metade, o Vilafranquense dispôs de uma soberana oportunidade, na conversão de uma grande penalidade a punir uma mão na bola de Leonel Mosevich, mas Daniel Guimarães defendeu o remate de Rafael Furlan.

Mas aos 55 minutos, Brayan Riascos mostrou toda a sua força e virtuosismo, ultrapassando tudo e todos para marcar um golo de belo efeito.

Se dúvidas poderiam ainda subsistir quanto ao vencedor, ficaram dissipadas com novo golo do Nacional, aos 61, da autoria de João Camacho.



C/LUSA