Economia

Liga diz que TAP teve reação `positiva` às dificuldades dos clubes nas viagens

A diretora executiva para as competições da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Helena Pires, destacou hoje a reação "positiva" da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) às dificuldades dos clubes no transporte entre o continente e as ilhas.

© DR

"Foi uma reunião bastante importante, em que viemos expor as dificuldades do futebol profissional nas deslocações de, e para, as ilhas. Houve uma grande abertura da TAP para trabalhar o tema, que preocupa as sociedades desportivas. No cômputo geral, a reação foi muito positiva e correu tudo dentro do que era expectável", afirmou.

Helena Pires sublinhou a presença do Nacional na reunião entre os dois organismos e entende que as preocupações dos clubes se devem, sobretudo, a "questões financeiras", mas acredita que a situação "se vai resolver".

"Evidentemente que as questões financeiras são a base da preocupação das sociedades desportivas. Entendemos que as sociedades desportivas das ilhas são as que têm maiores dificuldades, pela quantidade de vezes que se deslocam ao continente, e o Nacional fez questão de se representar na reunião. Estamos tranquilamente a trabalhar com a TAP e acreditamos que a situação se vai resolver", disse.

A LPFP e a TAP terão nova reunião, agendada para 27 de junho, com o objetivo de continuar a trabalhar o tema das tarifas aéreas para o desporto e nas deslocações dos agentes desportivos entre Portugal Continental e os arquipélagos dos Açores e Madeira.

C/ LUSA