Economia

OCUBO expande atividade para a Madeira

O multipremiado atelier português é conhecido internacionalmente pela realização de vários projetos de grande escala de video mapping e instalações interativas, como a cerimónia de abertura do estádio de futebol Al Janoub (Qatar), o 15º aniversário do Rock in Rio Lisboa, as várias produções apresentadas no Terreiro do Paço ou a inauguração do hotel CR7 Pestana em Lisboa.

OCUBO expande atividade para a Madeira
O atelier português OCUBO vai expandir a sua atividade para a Madeira, com o compromisso de colocar a região no mapa internacional dos espetáculos de grande escala de video mapping, luz e tecnologia. 

A direção do OCUBO encara ainda este momento como uma oportunidade para desenvolver colaborações locais, estimulando assim a criação de emprego especializado no setor das indústrias culturais e criativas no mercado regional.

 Estando já constituída a sociedade Immersìvus Madeira Lda. e com o processo de inscrição na ACIF – Associação da Indústria e Comércio da Madeira a decorrer, o atelier OCUBO vai começar por criar três novos postos de trabalho diretos na Madeira e com a concretização de projetos poderá chegar aos 20.

O alargamento do espetro de atuação da empresa será feito de forma concertada com os principais agentes locais, nomeadamente na subcontratação de serviços especializados em cultura e entretenimento.

 Codirigida por Carole Purnelle (CEO) e Nuno Maya (cofundador e diretor criativo), a empresa estará representada na região pelo madeirense Frederico Rodrigues. Fundado em 2004, OCUBO distingue-se não só pela criação de espetáculos de video mapping, mas também de projetos lúdico-pedagógicos de formato imersivo que resultam em experiências envolventes e divertidas.

 Destaque por exemplo para espetáculos como Lisbon Under Stars e Lisbon Legends, ambos apresentados nas Ruínas do Convento do Carmo, em Lisboa, e Magical Garden, que após o sucesso da instalação luminosa no Jardim Botânico Tropical da Universidade de Lisboa — visitada por mais de 70 mil pessoas — pode ser vista no Jardim Botânico do Porto até 31 de outubro.

 O atelier é também responsável pela criação da Immersivus Gallery, a primeira galeria de experiências artísticas imersivas em Portugal. 

O projeto conta atualmente com espaços em Lisboa (Reservatório da Mãe d’Água das Amoreiras), Porto (Alfândega do Porto) e Vilamoura (Centro de Congressos do Algarve), onde são exibidos espetáculos dedicados ao público familiar sobre alguns dos nomes mais importantes da história da arte, como Leonardo Da Vinci, Michelangelo, Claude Monet e Gustav Klimt. 

A nível internacional, o seu trabalho já foi apresentado em mais de 30 países. 

Com o projeto Lisbon Under Stars – que levou mais de 90 mil visitantes às Ruínas do Convento do Carmo, em Lisboa – arrecadou ainda os prémios de melhor Evento Cultural (Best Cultural Event 2018 dos Bea World) e o Gold A'Design Award 2018 - 2019.